A busca do mercado deve ser após o conhecimento da rotina e da burocracia em que se envolve o perito judicial O interessado em ser nomeado a primeira vez por um determinado juiz deve pensar por último em apenas enviar uma carta solicitando o seu cadastro no rol de peritos. É sempre aconselhável, em primeiro lugar, uma visita ao juiz a fim de ser feita a devida apresentação, logicamente seguindo as recomendações expostas no livro Manual de Perícias.

A nomeação é um ato do juiz onde ele deposita a sua confiança num profissional, assim entende-se como necessário que o juiz conheça pessoalmente o perito. Por isso, pelo menos, uma visita se faz imprescindível. Por outro lado, muitas nomeações ocorrem sem que haja esta hipótese de contato.

É fundamental que o interessado na primeira nomeação faça a visita ao juiz já conhecendo a rotina e a burocracia forense em que se envolve o perito, amplamente expostas, também, no livro Manual de Perícias.

O desconhecimento sobre a prática da atividade de perito poderá transmitir ao juiz insegurança, no que ele então deixaria de fazer a nomeação do interessado.

Diferente é o caso do cadastramento de peritos nas justiças estaduais de São Paulo e Minas Gerais, onde é necessária a formalização por escrito do pedido de cadastramento no rol de peritos. Assunto igualmente abordado no citado livro.

Para adquirir o livro Manual de Perícias CLIQUE AQUI

Para o caso de exigência de pedido formal do interessado em ser nomeado perito, a seguir está a sugestão de modelo de petição em que é solicitada a inclusão do nome do profissional no rol de peritos de determinada jurisdição. O trabalho abaixo é baseado no excelente modelo apresentado pelo engenheiro civil José Antoniel Campos Feitosa, CREA 3.362-D/RN, membro do IBAPE/RN, residente em Natal-RN, e-mail: antonielcampos@uol.com.br, adquirente do livro Manual de Perícias em agosto de 2005.
_________________________________________________________________________

EXMO. SR. DR. JUIZ DE DIREITO DA XX VARA CÍVEL DA COMARCA DE XXXXXXX.



(diagramar o espaçamento reservado para o despacho do juiz e as margens segundo os modelos constantes no livro Manual de Perícias)



............ [NOME] ............., ............. [PROFISSÃO] ........, infra-assinado, vem, respeitosamente, requerer a inclusão de seu nome na relação de peritos desta jurisdição na área de .............. [definir a área de atuação do profissional, como: cálculo financeiros, cálculo trabalhista, engenharia civil, meio ambiente ou outra(s)] ....

Recebendo a confiança de V. Exa. em futuras nomeações, o signatário manifesta-se, desde já, que realizará as perícias designadas empregando o seu maior empenho e diligência possível, a fim de que seja merecedor da honra concedida a sua pessoa e profissão.

Quanto aos pedidos de honorários e às propostas de honorários, em eventual nomeação, este signatário requererá honorários ou remuneração compatível, levando em conta o trabalho a ser realizado, o valor do interesse em litígio e a capacidade econômica das partes, de forma a dispensar eventuais discussões no processo sobre o quantum requerido.

Quando houver nomeação onde a parte responsável pelos honorários do perito contar com Assistência Judiciária Gratuita – AJG, em meio às perícias com pagamento normal de honorários, o signatário trabalhará com o mesmo empenho como trabalharia em uma perícia paga, desde que não haja desembolso para cobrir despesas.

TERMOS EM QUE ESPERA DEFERIMENTO

Localidade, data.

Assinatura