NBR10723 – Máquinas para trabalhar madeira e máquinas auxiliares – Glossário multilingüe
Define termos técnicos empregados em máquinas para trabalhar madeira e máquinas auxiliares.

NBR10724 – Verificação de precisão em máquinas para trabalhar madeira – Desempenadeira
Fixa condições exigíveis para verificação de precisão de desempenadeiras com eixo porta-facas cilíndrico, através de ensaios geométricos e, fornece os correspondentes desvios máximos permitidos aplicáveis às máquinas de precisão normal. Aplica-se somente

NBR10725 – Grãos abrasivos – Determinação da massa específica
Prescreve método para determinação da massa específica de grãos abrasivos. Aplica-se a grãos abrasivos de granulometria entre 10 mm e 240 mm.

NBR10726 – Preparação e apresentação de planos de embarcações para aprovação do proprietário/armador
Fixa condições e requisitos exigíveis para preparo e apresentação de planos, a serem feitos pelo construtor e submetidos a aprovação do proprietário/armador, utilizados para a construção ou reforma de embarcações.

NBR10727 – Compressor de ar tipo alternativo para uso naval
Fixa condições e requisitos exigíveis para aceitação e/ou recebimento de compressores de ar do tipo alternativo para uso naval.

NBR10728 – Turco e guincho de embarcações salva-vidas para uso em embarcações
Fixa condições e requisitos exigíveis para aceitação e/ou recebimento de turco e guincho de embarcações salva-vidas para uso em embarcações, dos tipos com lançamento por gravidade (pivotamento ou rolamento).

NBR10729 – Transformador seco para uso naval
Fixa condições e requisitos exigíveis para aceitação e/ou recebimento de transformador seco para uso naval.

NBR10730 – Execução do sistema de distribuição elétrica a bordo de navios
Fixa condições e requisitos exigíveis para execução do sistema de distribuição elétrica a bordo de navios.

NBR10731 – Execução de balanço elétrico para geradores de emergência em navios
Fixa condições exigíveis para execução do balanço elétrico para geradores de emergência, encontrados em navios, utilizados em condições de falha do sistema normal de alimentação.

NBR10732 – Luminária fluorescente para uso naval – Tipo C
Fixa condições e requisitos exigíveis para aceitação e/ou recebimento de luminária fluorescente – tipo C, para uso naval.

NBR10733 – Luminária fluorescente para uso naval – Tipo C – Dimensões
Padroniza dimensões de luminária fluorescente – Tipo C, para circuito de iluminação, em embarcações.

NBR10734 – Defeitos de superfície, forma e dimensões de folhas laminadas de aço de baixo teor de carbono
Define termos empregados para os defeitos superficiais, de forma e dimensionais que eventualmente ocorrem em folhas laminadas de aço de baixo teor de carbono.

NBR10735 – Chapas de aço de alta resistência mecânica zincadas continuamente por imersão a quente
Fixa condições exigíveis para encomenda, fabricação e fornecimento de chapas de aço de alta resistência mecânica, zincadas pelo processo contínuo de imersão a quente, de qualidade estrutural.

NBR10736 – Material particulado em suspensão na atmosfera – Determinação da concentração de fumaça pelo método da refletância da luz
Prescreve método de determinação da concentração de fumaça, pela refletância da luz. Sua aplicação é adequada quando o material particulado avaliado provém de processos de combustão, ou seja, é constituído basicamente de fuligem (material carbonáceo).

NBR10737 – Agua – Determinação de fósforo pelos métodos de cloreto estanoso e ácido ascórbico
Prescreve métodos de determinação de fósforo, nas diversas formas em que podem ocorrer, em água e em efluentes.

NBR10738 – Agua – Determinação de surfactantes aniônicos pelo método espectrofotométrico do azul de metileno
Prescreve método espectrofotométrico do azul de metileno para determinação de surfactantes aniônicos em amostras de água, efluentes domésticos e industriais.

NBR10739 – Agua – Determinação de oxigênio consumido – Método do permanganato de potássio
Prescreve método do permanganato de potássio para determinação de oxigênio consumido em amostras de água natural e água de abastecimento.

NBR10740 – Agua – Determinação de fenol total
Prescreve métodos de determinação de fenol total em água natural e água de abastecimento, efluentes domésticos e industriais.

NBR10741 – Agua – Determinação de carbono orgânico total – Método da combustão-infravermelho
Prescreve método de combustão-infravermelho para determinação de carbono orgânico total em amostras de água natural, água de abastecimento doméstico e industrial, efluentes domésticos e industriais, água marinha e água de refrigeração.

NBR10742 – Inspeção de anodos galvânicos para proteção catódica
Fixa condições exigíveis para a inspeção de anodos galvânicos para proteção catódica.

NBR10743 – Decapagem de aço com ácido sulfúrico – Determinação de eficiência de inibidores de corrosão
Prescreve método de ensaio para determinação da eficiência de inibidores de corrosão para decapagem de aço, com ácido sulfúrico. Se aplica a inibidores de corrosão para ácido sulfúrico.

NBR10744 – Açúcar líquido invertido – Determinação do grau de inversão
Prescreve método para determinação do grau de inversão em açúcar refinado líquido invertido, com grau de inversão entre 60% e 70%.

NBR10745 – Açúcar – Determinação da cor aparente
Prescreve método visual para determinação da cor aparente em açúcar.

NBR10746 – Açúcar – Determinação de floco alcoólico
Prescreve método para determinação da presença e grau de intensidade de substância orgânica (flocos) em soluções alcóolicas açucaradas.

NBR10747 – Açúcar – Determinação de floco ácido
Prescreve método para determinação da presença e intensidade de substância orgânica (flocos) em soluções açucaradas.

NBR10748 – Açúcar líquido – Determinação de cinzas condutimétricas
Prescreve método de determinação de cinzas condutimétricas em açúcar liquido.

NBR10749 – Materiais refratários para desgaseificação e vácuo rh – dimensões.

NBR10750 – Barras redondas de aço, laminadas a quente, para fabricação de tubos sem costura
Fixa condições exigíveis para encomenda, fabricação e fornecimento de barras redondas de aço, laminadas a quente, destinadas à fabricação de tubos sem costura.

NBR10751 – Amostragem e preparação de amostras de aços forjados
Fixa condições exigíveis para amostragem e preparação de amostras de aços forjados, para a determinação da composição química. Se aplica ao controle de qualidade final de processos pelo fabricante e de recebimento pelo usuário.

NBR10752 – Conteiner aéreo IATA
Define termos relativos aos conteineres aéreos IATA (Associação Internacional de Transporte Aéreo).

NBR10753 – Guarnição do freio – Avaliação das características do material de fricção em bancada de ensaio tipo inercial (dinamômetro) para freios de automóveis e camionetas de uso misto
Prescreve método para avaliação do desempenho e desgaste do material de fricção em bancada de ensaio tipo inercial (dinamômetro) para guarnição do freio a disco e a tambor de automóveis e camionetas de uso misto.

NBR10754 – Cilindro do freio da roda para freio a tambor de veículos rodoviários automotores – Determinação da durabilidade
Prescreve método para determinar as características de desempenho e durabilidade do cilindro do freio da roda, que se emprega em freio hidráulico de veículos rodoviários automotores.

NBR10755 – Bateria chumbo-ácido de partida e iluminação para motocicletas – Dimensões
Padroniza dimensões externas básicas e detalhes dimensionais de baterias chumbo-ácido de partida e iluminação de 6 V a 12 V.

NBR10756 – Posicionamento do tubo de descarga em veículos rodoviários automotores
Fixa critérios para o posicionamento do tubo de descarga em veículos rodoviários automotores, com motor Diesel, de transporte rodoviário e urbano de passageiros (micro-ônibus, ônibus e ônibus articulado), de carga e especiais.

NBR10757 – Vidros de segurança aquecíveis por energia elétrica para veículos rodoviários – Verificação de suas características termo-eletromecânicas
Prescreve métodos para verificação das características termo-eletromecânicas de vidros de segurança aquecíveis por energia elétrica, para veículos rodoviários.

NBR10758 – Vidros de segurança aquecíveis por energia elétrica para veículos rodoviários
Fixa condições exigíveis e requisitos mínimos para vidros de segurança aquecíveis por energia elétrica, empregados em veículos rodoviários, visando, essencialmente, impedir a formação de embaçamento no vidro de segurança, garantindo uma boa visão sob cond

NBR10759 – Bucha guia de furação sem cabeça – Dimensões
Padroniza dimensões das buchas guias de furação sem cabeça.

NBR10760 – Martelo de aço
Fixa condições exigíveis para aceitação ou rejeição de martelos de aço.

NBR10761 – Olhal de martelo – Dimensões
Padroniza dimensões do olhal de martelo.

NBR10762 – Cabos de madeira para martelos
Fixa condições exigíveis para aceitação ou rejeição de cabos de madeira para martelos.

NBR10763 – Martelo para mecânica tipo bola – Dimensões e massa
Padroniza dimensões básicas e massa do martelo para mecânica tipo bola.

NBR10764 – Cabos de madeira para martelos até 2 kg – Dimensões
Padroniza dimensões básicas dos cabos de madeira para martelos até 2 kg.

NBR10765 – Cabos de madeira para malhos acima de 2 kg – Dimensões
Padroniza dimensões básicas dos cabos de madeira para malhos acima de 2 kg.

NBR10766 – Martelo para carpinteiro tipo unha – Dimensões (NOTA:ERRATA A INCORPORAR)
Padroniza dimensões básicas do martelo para carpinteiro tipo unha.

NBR10767 – Martelo para mecânica tipo pena – Dimensões e massa
Padroniza dimensões básicas e massa do martelo para mecânica tipo pena.

NBR10768 – Cabos de madeira para martelos para carpinteiro tipo unha – Dimensões
Padroniza dimensões básicas dos cabos de madeira para martelos para carpinteiro, tipo unha.

NBR10769 – Martelo de alumínio
Fixa condições exigíveis para aceitação ou rejeição de martelos de alumínio.

NBR10770 – Martelo de borracha
Fixa condições exigíveis para aceitação ou rejeição de martelos de borracha.

NBR10771 – Marretas e malhos – Dimensões e massa
Padroniza dimensões básicas e massa de marretas e malhos.

NBR10772 – Cabos de madeira para marretas – Dimensões e formas
Padroniza dimensões básicas e formas dos cabos de madeira para marretas.

NBR10773 – Macetes – Dimensões, formas e massa
Padroniza dimensões básicas, as formas e a massa dos macetes.

NBR10774 – Martelo-punção para ferreiros – Dimensões, formas e massa
Padroniza dimensões básicas, as formas e a massa do martelo-punção para ferreiros.

NBR10775 – Martelo para corte a frio – Dimensões e massa
Padroniza dimensões básicas e massa do martelo para corte a frio.

NBR10776 – Malho de pena reta e cruzada (rebatedor) – Dimensões, formas e massa
Padroniza dimensões básicas, as formas e a massa do malho de pena reta e cruzada (rebatedor).

NBR10777 – Ensaio visual em soldas, fundidos, forjados e laminados
Fixa condições exigíveis para o ensaio visual aplicável em soldas, fundidos, forjados e laminados.

NBR10778 – Forno tubular sujeito a chama
Define termos empregados em forno tubular sujeito a chama.

NBR10779 – Chapas e tiras de aço cromo-molibdênio tipo 4130 em chapas e tiras de qualidade aeronáutica
Fixa condições exigíveis para chapas e tiras de aço cromo-molibdênio tipo 4130 de espessura até 38,00 mm para uso aeronáutico.

NBR10780 – Unidade móvel de ar condicionado para aeronaves em aeroportos
Fixa condições exigíveis funcionais e de projeto, para unidade móvel de ar condicionado para resfriamento/aquecimento de aeronaves em aeroportos, doravante denominada unidade, destinada ao fornecimento de ar resfriado/aquecido, desumidificado e com pressã

NBR10781 – Pesquisa de embarque e desembarque
Fixa condições exigíveis a serem observadas no levantamento do número de passageiros que embarcam e desembarcam em cada ponto de parada e terminais, ao longo do itinerário de uma determinada linha e viagem.

NBR10782 – Pesquisa de embarque e desembarque com senha em ônibus
Fixa condições exigíveis a serem observadas no levantamento do local de embarque e desembarque de cada passageiro, identificado mediante senha, ao longo do itinerário de uma determinada linha e viagem, em ônibus.

NBR10783 – Pesquisa de dados operacionais de transporte por ônibus
Fixa condições exigíveis a serem observadas no levantamento dos dados operacionais, de uma determinada linha de ônibus, ao longo do dia.

NBR10784 – Bombas de deslocamento positivo para sistemas hidráulicos de potência
Classifica bombas hidráulicas de deslocamento positivo para utilização em sistemas hidráulicos de potência. Estabelece os requisitos básicos para a classificação de tipos construtivos e princípios de funcionamento, servindo de subsídio para as normas de e

NBR10785 – Componentes do sistema de lubrificação por pulverização – Componentes
Padroniza componentes do sistema de lubrificação por pulverização.

NBR10786 – Concreto endurecido – Determinação do coeficiente de permeabilidade à água
Prescreve método para determinação do coeficiente de permeabilidade do concreto endurecido, através de percolação de água sob pressão.

NBR10787 – Concreto endurecido – Determinação da penetração de água sob pressão
Prescreve método para determinação da penetração de água sob pressão em corpos-de-prova prismáticos de concreto endurecido, com agregados de dimensão máxima igual ou inferior a 38 mm.

NBR10788 – Execução da injeção em concreto protendido com aderência posterior
Fixa condições exigíveis para a preparação da calda de cimento e sua injeção, para preenchimento de bainhas de armadura de protensão de peças de concreto protendido.

NBR10789 – Execução da protensão em concreto protendido com aderência posterior
Fixa condições exigíveis para a execução da protensão em obras de concreto protendido com aderência posterior.

NBR10790 – Cal virgem e cal hidratada para tratamento de água de abastecimento público
Fixa condições exigíveis para o fornecimento dos produtos cal virgem e cal hidratada, utilizados em tratamento de água para fins de abastecimento público.

NBR10791 – Cal virgem – Determinação do tempo de extinção
Prescreve ensaio para determinação do tempo e extinção de cal virgem.

NBRNM-ISO10791-7 – Condições de ensaio para centros de usinagem – Parte 7: Exatidão da peça-teste acabada
Especifica uma série de ensaios de corte, sob condições de acabamento de peças-teste padronizadas, assim como as características e dimensões das mesmas. Tem a finalidade de fornecer requisitos mínimos para a avaliação de exatidão de corte da máquina. Ensa

NBRNM-ISO10791-4 – Condições de ensaio para centros de usinagem – Parte 4: Exatidão e repetitividade de posicionamento de eixos lineares e rotativos
Especifica as tolerâncias que se aplicam aos ensaios de posicionamento para eixos lineares, até 2 000 mm de comprimento, e eixos rotativos de centros de usinagem.

NBR10792 – Bomba centrífuga naval
Fixa condições e requisitos exigíveis para aceitação e/ou recebimento de bombas centrífugas navais.

NBR10793 – Bomba centrífuga naval – Ensaio de confirmação
Prescreve método de ensaio de confirmação para bombas centrífugas navais, realizado após a inspeção de desmontagem.

NBR10794 – Caldeira auxiliar a óleo para uso naval
Fixa condições e requisitos exigíveis para aceitação e/ou recebimento de caldeiras auxiliares a óleo para uso naval.

NBR10795 – Caldeira auxiliar a óleo para uso naval – Ensaios
Prescreve métodos de ensaio e inspeções de caldeiras auxiliares a óleo para uso naval.

NBR10796 – Trocador de calor para uso naval
Fixa condições e requisitos exigíveis para aceitação e/ou recebimento de trocadores de calor para uso naval.

NBR10797 – Trocador de calor para uso naval
Prescreve método de ensaio de trocadores de calor para uso naval.

NBR10798 – Grupo destilatório por evaporação para uso naval
Fixa condições e requisitos exigíveis para aceitação e/ou recebimento de grupo destilatório por evaporação para uso naval.

NBR10799 – Grupo destilatório por evaporação para uso naval – Ensaios
Prescreve método de ensaio empregado em grupos destilatórios por evaporação para uso naval.

NBR10800 – Molinete e cabrestante de âncora para navegação interior
Fixa condições e requisitos exigíveis para aceitação e/ou recebimento de molinetes e cabrestantes de âncora para navegação interior, a serem utilizados em construção naval.

NBR10801 – Escada de portaló de aço ou alumínio para construção naval
Fixa condições e requisitos exigíveis para aceitação e/ou recebimento de escadas de portaló de aço ou alumínio para navios mercantes, a serem utilizados em construção naval.

NBR10802 – Prancha de embarque/desembarque para uso naval
Fixa condições e requisitos exigíveis para projeto, fabricação, aceitação e/ou recebimento de pranchas de embarque/desembarque a serem utilizadas em construção naval para uso exclusivo de pessoas, não se aplicando pois, ao trânsito de carga.

NBR10803 – Escada de quebra-peito para uso naval
Fixa condições e requisitos mínimos exigíveis para construção, aceitação e/ou recebimento de escada de quebra-peito para uso naval.

NBR10804 – Cálculo de ventilação para paiol de tintas em navios mercantes
Fixa condições exigíveis para projeto e os métodos adequados de cálculo de ventilação para paiol de tintas em navios mercantes.

NBR10805 – Recebimento, armazenagem e manuseio de materiais e equipamentos para proteção catódica em plataformas marítimas e dutos submarinos
Fixa condições mínimas exigíveis para o recebimento, armazenagem e manuseio de materiais e equipamentos utilizados em sistemas de proteção catódica em plataformas marítimas e dutos submarinos.

NBR10806 – Montagem de sistema de proteção catódica galvânica em plataformas marítimas
Fixa condições mínimas exigíveis para a montagem de sistema de proteção catódica galvânica em plataformas marítimas. Se aplica a instalação dos anodos galvânicos e dispositivos submersos do sistema de monitoração da proteção catódica.

NBR10807 – Montagem de sistema de proteção catódica galvânica em dutos submarinos e dutos de interligação
Fixa condições mínimas exigíveis para a montagem de sistema de proteção catódica galvânica em dutos submarinos e dutos de interligação.

NBR10808 – Símbolos das dimensões de automóveis
Estabelece símbolos das dimensões de automóveis e camionetas de uso misto deles derivados, para serem utilizados em informações técnicas e banco de dados.

NBR10809 – Dimensões internas e de referências de automóveis
Define dimensões básicas internas e de referências de automóveis e camionetas de uso misto deles derivados.

NBR10810 – Disco da embreagem – Determinação do momento de destaque
Prescreve o método para a determinação do momento de destaque do disco da embreagem, trabalhando a seco, provocado pela adesão das guarnições da embreagem sobre as superfícies de atrito do platô da embreagem e do volante do motor, após o conjunto embreag

NBR10811 – Platô de embreagem – Medição do batimento axial nos dedos da mola membrana ou nas extremidades das alavancas de acionamento
Prescreve método para medição, em bancada de ensaio, do batimento axial nos dedos da mola membrana ou nas extremidades das alavancas de acionamento do platô da embreagem de veículos rodoviários automotores. E aplicada em novos desenvolvimentos de embreage

NBR10812 – Conjunto suporte vertical para semi-reboque – Verificação das características
Prescreve método para verificação das características do conjunto suporte vertical para semi-reboques.

NBR10813 – Determinação da emissao do gás de escapamento emitido por motor Diesel
Estabelece o procedimento para a determinação de hidrocarbonetos (HC), monóxido de carbono (CO), dióxido de carbono (CO2) e óxidos de nitrogênio (NOx), contidos no gás de escapamento emitido por motor Diesel em regime constante, utilizado em veículo autom

NBR10814 – Veículos rodoviários automotores leves – Determinação espectrofotométrica de aldeídos no gás de escapamento
Prescreve método de determinação de emissão dos aldeídos alifáticos totais, contidos no gás de escapamento de veículos rodoviários automotores leves, pelo método MBTH, por espectrofotometria de luz visível, durante o ciclo de condução desenvolvido em dina

NBR10815 – Determinação do vazamento de combustível no ensaio de colisão em veículos rodoviários automotores
Fixa procedimento para determinação do vazamento de combustível no ensaio de colisão em automóveis, camionetas e utilitários.

NBR10816 – Conector hidráulico para tratores, máquinas e implementos agrícolas
Padroniza condições essenciais de interface, as dimensões para instalação e os requisitos operacionais de conectores hidráulicos empregados para transmitir potência hidráulica dos tratores às máquinas e implementos agrícolas.

NBR10817 – Guarnição de vedação para veículos
Fixa condições exigíveis para guarnição de vedação de borrachas para uso externo em veículos rodoviários e industriais, máquinas rodoviárias e tratores agrícolas.

NBR10818 – Qualidade de água de piscina
Fixa condições exigíveis para que a qualidade de água de piscina garanta sua utilização de maneira segura, sem causar prejuízo à saúde e ao bem estar dos usuários.

NBR10819 – Projeto e execução de piscina (casa de máquinas, vestiários e banheiros)
Fixa condições exigíveis para projeto e construção de casas de máquinas, vestiários e banheiros de piscinas.

NBR10820 – Caixilho para edificação – Janela
Define termos empregados na classificação das janelas de uso em edificações, bem como os termos empregados na nomenclatura de suas partes.

NBR10821 – Caixilho para edificação – Janelas (NOTA:ERRATA A INCORPORAR)
Fixa as condições exigíveis de desempenho de caixilhos para edificações para uso residencial e comercial.

NBR10822 – Caixilho para edificação – Janela dos tipos de abrir e pivotante – Verificação da resistência às operações de manuseio
Prescreve método para verificar: a resistência ao esforço torsor; a resistência ao esforço vertical no plano da folha; (deformação diagonal); o arrancamento das articulações e o comprimento sob ações repetidas de abertura e fechamento. Se aplica a janelas

NBR10823 – Caixilho para edificação – Janela do tipo projetante – Verificação da resistência às operações de manuseio
Prescreve métodos para verificar: a resistência ao esforço torsor; o arrancamento das articulações; o comportamento sob ações repetidas de abertura e fechamento e a resistência à deflexão da travessa inferior. Se aplica a janelas para edificações de uso r

NBR10824 – Caixilho para edificação – Janela do tipo de tombar – Verificação da resistência às operações de manuseio
Prescreve métodos para verificar: a resistência ao esforço torsor; o arrancamento das articulações; o comportamento sob ações repetidas de abertura e fechamento e a resistência à deflexão da travessa superior. Se aplica a jnelas para edificações de uso re

NBR10825 – Caixilho para edificação – Janela do tipo basculante – Verificação da resistência às operações de manuseio
Prescreve métodos de verificação de caixilhos – janelas -, de acordo com a NBR 10821, quais sejam: resistência ao esforço torsor; arrancamento das articulações; comportamento sob ações repetidas de abertura e fechamento. Se aplica a janelas para edificaçõ

NBR10826 – Caixilho para edificação – Janela do tipo reversível – Verificação da resistência às operações de manuseio
Prescreve métodos para verificar: a resistência ao esforço torsor; o arrancamento das articulações e o comportamento sob ações repetidas de abertura e fechamento. Se aplica a janelas para edificações de uso residencial e comercial.

NBR10827 – Caixilho para edificação – Janela do tipo de correr – Verificação da resistência às operações de manuseio
Prescreve método para verificar: a resistência ao esforço horizontal, no plano da folha, com um dos cantos imobilizado; a resistência ao esforço horizontal, no plano da folha, com dois cantos imobilizados; a resistência à flexão e o comportamento sob açõe

NBR10828 – Caixilho para edificação – Janela do tipo guilhotina – Verificação da resistência às operações de manuseio
Prescreve método para verificar: a resistência ao esforço vertical, no plano da folha, com um dos cantos imobilizado; a resistência ao esforço vertical, no plano da folha, com dois cantos imobilizados; a resistência à flexão e o comportamento sob ações re

NBR10829 – Caixilho para edificação – janela – Medição da atenuação acústica
Prescreve método de medição de campo da isolação sonora de caixilhos de fachada em edifícios e/ou isolamento sonoro entre um recinto e o meio externo, proporcionando por um vedo de fachada, que e, ele próprio, um caixilho, ou que incorpora um ou mais caix

NBR10830 – Caixilho para edificação – Acústica dos edifícios
Define termos mais comuns empregados em acústica de edificações de uso residencial e comercial.

NBR10831 – Projeto e utilização de caixilhos para edificações de uso residencial e comercial – Janelas
Fixa condições exigíveis para projeto e utilização de caixilhos para edificações de uso residencial e comercial – Janelas.

NBR10832 – Fabricação de tijolo maciço de solo-cimento com a utilização de prensa manual
Fixa condições exigíveis para a produção de tijolos maciços de solo-cimento em prensas manuais.

NBR10833 – Fabricação de tijolo maciço e bloco vazado de solo-cimento com utilização de prensa hidráulica
Fixa condições exigíveis para a produção de tijolos maciços e blocos vazados de solo-cimento em prensas hidráulicas.

NBR10834 – Bloco vazado de solo-cimento sem função estrutural
Fixa condições exigíveis para o recebimento de blocos vazados de solo-cimento comuns, destinados à execução de alvenaria sem função estrutural.

NBR10835 – Bloco vazado de solo-cimento sem função estrutural – Forma e dimensões
Padroniza forma e dimensões de blocos vazados de solo-cimento comuns e especiais utilizados em alvenaria sem função estrutural, com ou sem revestimento.

NBR10836 – Bloco vazado de solo-cimento sem função estrutural – Determinação da resistência à compressão e da absorção de água
Prescreve métodos para determinação da resistência à compressão e da absorção de água em blocos vazados de solo-cimento comuns, utilizados em alvenaria sem função estrutural.

NBR10837 – Cálculo de alvenaria estrutural de blocos vazados de concreto (NOTA:ERRATA A INCORPORAR)
Fixa condições exigíveis no projeto e execução de obras em alvenaria estrutural não armada, parcialmente armada, ou armada, exclusivamente de blocos vazados de concreto, segundo a NBR 6136. Além das condições desta Norma, devem ser obedecidas as de outras

NBR10838 – Solo – Determinação da massa específica aparente de amostras indeformadas, com emprego da balança hidrostática
Prescreve método de determinação da massa específica aparente de amostras indeformadas de solo, com emprego da balança hidrostática, sendo aplicável somente a materiais que possam ser adequadamente talhados. A amostra deve vir convenientemente protegida p

NBR10839 – Execução de obras de arte especiais em concreto armado e concreto protendido
Fixa condições exigíveis na execução e no controle de obras de arte especiais em concreto armado e concreto protendido, excluídas aquelas em que se empregue concreto leve ou outros concretos especiais.

NBR10840 – Máquinas elétricas girantes – Turbomáquinas síncronas
Fixa requisitos específicos para turbomáquinas trifásicas de potência nominal igual ou superior a 1 MVA, utilizadas como geradores e, no que se aplicar, as utilizadas como motores síncronos ou como compensadores síncronos.

NBR10841 – Cabos de alumínio reforçados por fios de aço-alumínio para linhas aéreas
Fixa condições exigíveis na aceitação e/ou recebimento de cabos de alumínio reforçados por fios de aço-alumínio para linhas aéreas com ou sem cobertura.

NBR10842 – Equipamento para tecnologia da informação – Requisitos de segurança
Fixa equipamento para tecnologia da informação e equipamento associado, com uma tensão nominal que não exceda 600 V.

NBR10843 – Tubos de PVC rígido para instalações prediais de águas pluviais
Fixa características mínimas exigíveis para o recebimento de tubos de PVC rígido, empregados como dutos, nas instalações prediais de água pluviais.

NBR10844 – Instalações prediais de águas pluviais
Fixa exigências e critérios necessários aos projetos das instalações de drenagem de águas pluviais, visando garantir níveis aceitáveis de funcionalidade, segurança, higiene, conforto, durabilidade e economia.

NBR10845 – Tubo de poliéster reforçado com fibras de vidro, com junta elástica, para esgoto sanitário.
Fixa condições exigíveis para o recebimento de tubos de poliéster reforçado com fibras de vidro, com junta elástica, contendo ou não enchimento agregado inorgânico, para esgoto sanitário.

NBR10846 – Tubo de poliéster reforçado com fibras de vidro, com junta elástica, para condução de água sob pressão
Fixa condições exigíveis para o recebimento de tubos de poliéster reforçado com fibras de vidro, com junta elástica, para condução de água sob pressão.

NBR10847 – Junta elástica defofo para tubos e conexões de poliéster reforçado com fibras de vidro
Fixa condições exigíveis para o recebimento de juntas elásticas, com diâmetro equivalente ao dos tubos e conexões de poliéster reforçado com fibras de vidro.

NBR10848 – Assentamento de tubulação de poliester reforçado com fibras de vidro
Fixa condições exigíveis para o assentamento de tubulação de poliéster reforçado com fibras de vidro.

NBR10849 – Carvão metalúrgico para coque de alto-forno
Fixa condições exigíveis dos carvões metalúrgicos para coque de alto-forno, oriundos das jazidas de santa catarina.

NBR10850 – Carvão mineral – Análise química das cinzas por complexometria, fotometria de chama, espectrocolorimetria e gravimetria
Prescreve método de análise química das cinzas de carvão mineral pelos seguintes ensaios: complexometria após a determinação da sílica por gravimetria, determinando óxido férrico, alumina, óxido de cálcio e óxido de magnésio; espectrocolorimetria, determi

NBR10851 – Tratores agrícolas, máquinas rodoviárias e veículos industriais – Dimensões externas
Define denominações e definições das dimensões externas básicas dos tratores agrícolas, máquinas rodoviárias e veículos industriais, bem como estabelece as condições gerais de medição dessas dimensões.

NBR10852 – Guindaste de rodas com pneus
Define e denomina guindastes hidráulicos e mecânicos, de rodas com pneus, constituídos de uma parte giratória, seus componentes e características básicas.

NBR10853 – Indicadores dos medidores elétricos da temperatura e do nível combustível
Fixa condições exigíveis para aceitação e/ou recebimento de indicadores dos medidores elétricos da temperatura e do nível de combustível, utilizados em veículos rodoviários e industriais automotores, máquinas rodoviárias e tratores agrícolas.

NBR10854 – Transporte aéreo de artigos perigosos – Embalagem
Fixa condições exigíveis para a embalagem utilizada no transporte aéreo de artigos perigosos.

NBR10855 – Sinalização horizontal de pistas e pátios em aeroportos
Fixa características mínimas exigíveis de projeto e define os termos empregados em Sinalização Horizontal de Pistas e Pátios em Aeródromos.

NBR10856 – Determinação do nível efetivo de ruído percebido (EPNL) de sobrevoo de aeronaves
Fixa condições exigíveis para a determinação do nível efetivo de ruído percebido “Effective Perceived Noise Level” (EPNL), nas medições de ruído de sobrevôo de aeronaves.

NBR10857 – Fogões a gás – Requisitos de segurança dos equipamentos elétricos
Fixa condições exigíveis e requisitos mínimos para acessórios elétricos montados sobre os aparelhos de cocção para uso doméstico, utilizando, para sua alimentação, gases manufaturados e GLP de uso doméstico. Os acessórios são ligados à rede de distribuiçã

NBR10858 – Fogões a gás – Ensaios de segurança dos equipamentos elétricos
Prescreve método de ensaio para acessórios elétricos montados sobre os aparelhos de cocção para uso doméstico, utilizando para sua alimentação gases manufaturados e GLP de uso doméstico. Os acessórios são ligados à rede de distribuição pública de energia

NBR10859 – Líquidos isolantes elétricos – Determinação da rigidez dielétrica (eletrodos de calota ou esféricos)
Prescreve método de ensaio para determinação da rigidez dielétrica de líquidos isolantes.

NBR10860 – Chaves tripolares para redes de distribuição – Operação em carga
Fixa condições e requisitos mínimos exigíveis de chaves tripolares para redes de distribuição, operação em carga, 60 Hz, para instalação interna e externa para tensões nominais de 1,2 kV até 36,2 kV, inclusive. Aplica-se, também, aos dispositivos de opera

NBR10861 – Prensa-cabos
Fixa condições exigíveis para construção e inspeção de prensa-cabos para utilização com cabos isolados por elastômero ou plástico e assegura, para um dado tamanho de cabo, a intercambiabilidade entre prensa-cabos completos de diferentes fabricantes, mas n

NBR10862 – Capacitores secos auto-regeneradores com dielétrico de filme de polipropileno metalizado para motores de corrente alternada
Prescreve método de ensaio para capacitores secos auto-regeneradores com dielétrico de filme de polipropileno metalizado, para motores de corrente alternada.

NBR10864 – Iluminação de cais
Fixa condições exigíveis para a iluminação de áreas portuárias.

NBR10865 – Porta classe A para construção naval
Fixa condições e requisitos exigíveis para aceitação e/ou recebimento de porta classe A para construção naval.

NBR10866 – Portas classe A e classe B para construção naval – Ensaio de resistência ao fogo
Prescreve método de ensaio de resistência ao fogo, a que devem ser submetidas as portas classes A e B para construção naval. Atende às exigências estabelecidas na Convenção Internacional para Salva-Guarda da Vida Humana no Mar (SOLAS 74) emendas 81 e 83.

NBR10867 – Porta classe A para construção naval – Dimensões
Padroniza dimensões e materiais de porta classe A para construção naval.

NBR10868 – Porta classe B para construção naval
Fixa condições e requisitos exigíveis para aceitação e/ou recebimento de porta classe B para construção naval.

NBR10869 – Porta classe B para construção naval – Dimensões
Padroniza dimensões e materiais de porta classe B para construção naval.

NBR10870 – Sapatilho para cabo de aço
Fixa condições e requisitos mínimos exigíveis para a fabricação, inspeção, aceitação e/ou recebimento de sapatilhos para cabos de aço.

NBR10871 – Sapatilho para cabo de aço – Dimensões
Padroniza formato e dimensões de sapatilhos para cabos de aço.

NBR10872 – Escada para borda falsa – Formatos e dimensões
Padroniza formatos e dimensões de escada para borda falsa usada entre o convés e a parte superior da borda falsa.

NBR10873 – Posicionamento de marcas de calado de embarcações
Fixa condições exigíveis e as informações mínimas necessárias para o projeto e o posicionamento das marcas de calado nas superfícies externas de embarcações.

NBR10874 – Purgador para uso naval
Fixa condições e requisitos exigíveis para aceitação e/ou recebimento de purgador para uso naval.

NBR10875 – Guincho de reboque em alto-mar para embarcações
Fixa condições e requisitos exigíveis para aceitação e/ou recebimento de guinchos de reboque em alto-mar com acionamento elétrico, hidráulico, a vapor ou diesel, a serem utilizados em embarcações. Também abrange as funções de recolhimento, lançamento, fre

NBR10876 – Cesta de transporte de pessoal para uso naval
Fixa condições e requisitos mínimos exigíveis para fabricação, aceitação e/ou recebimento de cesta de transporte de pessoal, para uso naval.

NBR10877 – Aparelho lança-retenida
Fixa condições e requisitos mínimos exigíveis para utilização, inspeção, aceitação e/ou recebimento de aparelhos lança-retenida. Estes aparelhos podem ser utilizados para salvamento, comunicações, travessias e outros.

NBR10878 – Aparelho lança-retenida – Ensaios
Prescreve ensaios a que devem ser submetidos os aparelhos lança-retenida.

NBR10879 – Cálculo de frigorífica de provisões – Condições básicas para projeto
Fixa condições exigíveis para projetos e os métodos adequados de cálculo para frigorífica de provisões de navios mercantes que operam em todos os mares.

NBR10880 – Materiais internos de acabamento para embarcação mercante de navegação interior e regional
Fixa condições e requisitos exigíveis para aceitação e/ou recebimento de materiais de acabamento de pisos, anteparas e tetos, a serem utilizados nas acomodações das embarcações mercantes de navegação interior e regional.

NBR10881 – Compartimento sanitário para embarcação mercante de navegação interior e regional – Arranjos e localização
Padroniza características básicas mínimas de arranjos e localização de compartimento sanitário para embarcação mercante de navegação interior e regional.

NBR10882 – Preparo e apresentação de projeto de proteção catódica para dutos submarinos e dutos de interligação
Fixa condições e informações exigíveis que devem constar dos projetos de proteção catódica por corrente galvânica para dutos submarinos e dutos de interligação.

NBR10883 – Fitas poliolefínicas – Determinação da largura e espessura
Prescreve método utilizado para determinação da largura e espessura de fitas poliolefínicas (ráfia).

NBR10884 – Tecidos de fitas poliolefínicas – Determinação da alteração dimensional
Prescreve método para determinação da alteração dimensional de tecidos de fitas poliolefínicas.

NBR10885 – Acido sórbico – Determinação de aldeídos
Prescreve método de determinação do limite máximo de aldeídos (expressos como formaldeído) em ácido sórbico.

NBR10886 – Acido sórbico – Prova de identificação
Prescreve prova de identificação para ácido sórbico.

NBR10887 – Acido sórbico
Fixa condições exigíveis do aditivo para alimentos ácido sórbico.

NBR10888 – Cloreto de sódio – Sal para alimentação humana
Fixa características a que deve obedecer o sal (cloreto de sódio), para alimentação humana.

NBR10889 – Preparação da amostra de cloreto de sódio – Sal para alimentação humana
Fixa o modo pelo qual se deve proceder para a coleta e o preparo da amostra de sal (cloreto de sódio), a ser remetida a laboratório para ensaios de controle de qualidade.

NBR10890 – Cana-de-açúcar – Determinação de sacarose no caldo extraído pelo método de Jackson-gillis
Prescreve método para determinação do teor de sacarose no caldo de cana, por dupla polarização.

NBR10891 – Alcool etílico hidratado – Determinação do pH
Prescreve método para determinação do pH em álcool etílico hidratado.

NBR10892 – Alcool etílico hidratado para a indústria alcoolquímica
Fixa condições exigíveis para o fornecimento de álcool etílico hidratado para a indústria alcoolquímica.

NBR10893 – Alcool etílico – Determinação do teor de cobre por espectrofotometria de absorção atômica
Prescreve método para determinação do teor de cobre em álcool etílico, através de espectrofotometria de absorção atômica, com limite de detecção de 0,01 mg/kg.

NBR10894 – Alcool etílico – Determinação de íons cloreto e sulfato por cromatografia iônica
Prescreve método para determinação de íons cloreto e sulfato em álcool etílico, por cromatografia iônica. O limite de detecção do método é 0,1 mg/kg, com faixa linear até 100 mg/kg.

NBR10895 – Alcool etílico – Determinação do teor de íon cloreto por técnica potenciométrica
Prescreve método para determinação do teor de íons cloreto em álcool etílico por técnica potenciométrica, em concentração acima de 0,5 mg/kg.

NBR10896 – Álcool etílico anidro para a indústria alcoolquímica
Fixa as condições exigíveis para o fornecimento de álcool etílico anidro para a indústria alcoolquímica.

NBR10897 – Proteção contra incêndio por chuveiro automático (NOTA:ERRATA INCORPORAR)
Fixa condições mínimas exigíveis para projeto, cálculo e instalação de sistemas hidráulicos de proteção contra incêndio, por chuveiros automáticos para edificações, bem como determina as dimensões e adequação dos abastecimentos de água para o suprimento e

NBR10898 – Sistema de iluminação de emergência
Fixa as características mínimas esigíveis para funções a que se destina o sistema de iluminação de emergência a ser instalado em edificações, ou em outras áreas fechadas sem iluminação natural.

NBR10899 – Conversão fotovoltaica de energia solar
Define termos técnicos relativos à conversão fotovoltaica de energia radiante solar em energia elétrica.

NBR10900 – Cana-de-açúcar – Características para industrialização
Fixa características da cana-de-açúcar com características para efeitos de industrialização.

NBR10901 – Carvão pré-lavado
Fixa condições exigíveis do carvão pré-lavado oriundo das jazidas de Santa Catarina.

NBR10902 – Eixo porta-fresa com rasgo de chaveta longitudinal e transversal, para fresa cilíndrica – Dimensões
Padroniza dimensões dos eixos porta-fresas com rasgo de chaveta longitudinal e transversal, com cone Morse ou métrico para fresa cilíndrica.

NBR10903 – Trava de segurança de porca para gancho haste forjado – Dimensões e materiais
Padroniza travas de segurança contra a torção relativa entre porcas e ganchos haste forjados para equipamentos de levantamento e movimentação de cargas, no que se refere às suas dimensões e materiais.

NBR10904 – Porca para gancho-haste forjado – Dimensões e materiais
Padroniza porcas para ganchos-haste forjados para equipamentos de levantamento e movimentação de cargas, no que se refere às suas dimensões e materiais.

NBR10905 – Solo – Ensaios de palheta in situ
Prescreve método para determinação da resistência não drenada (c(u)) do solo in situ através de uma palheta de seção cruciforme inserida no mesmo, e submetida a um torque capaz de cisalhá-lo por rotação.

NBR10906 – Cimento de alvenaria – Ensaios
Prescreve método para execução do ensaio normal de cimento de alvenaria, compreendendo a determinação de: finura; pega; expansibilidade; resistência à compressão; ar incorporador e retenção de água.

NBR10907 – Cimento de alvenaria
Fixa condições exigíveis para o recebimento de cimento de alvenaria.

NBR10908 – Aditivos para argamassa e concretos – Ensaios de uniformidade
Prescreve método para determinação do pH, teor de sólidos, massa específica e teor de cloretos, para verificar a uniformidade de aditivos sólidos ou líquidos de um lote ou diferentes lotes de uma mesma procedência.

NBR10909 – Escada inclinada de aço para praça de máquinas – Formatos e dimensões
Padroniza formatos e dimensões de escada inclinada de aço a ser usada entre plataformas da praça de máquinas.

NBR10910 – Válvula-gaveta, de bronze, flangeada, classe 150 (PN 20), série “A”, para construção naval – Formatos e dimensões
Padroniza formatos e dimensões de válvulas-gaveta, de bronze, com extremidades flangeadas, com hastes ascendente e não-ascendente, classe 150 (PN 20), da série “A”, para utilização em construção naval.

NBR10911 – Válvula-gaveta, de bronze, flangeada, classe 150 (PN 20), série “M”, para construção naval – Formatos e dimensões
Padroniza formatos e dimensões de válvulas gaveta, de bronze, com extremidades flangeadas, com hastes ascendente e não ascendente, classe 150 (PN 20), da série “M”, para utilização em construção naval.

NBR10912 – Amarração e fundeio de embarcação
Define termos empregados em amarração e fundeio de embarcações e estabelece os correspondentes termos na língua inglesa.

NBR10913 – Comunicação em embarcações
Define termos empregados em comunicação em embarcações e estabelece os termos correspondentes na língua inglesa.

NBR10914 – Curva de giro de embarcações
Define termos empregados em curva de giro de embarcações e estabelece os correspondentes termos na língua inglesa.

NBR10915 – Turco e guincho de embarcações salva-vidas para uso em embarcações – Ensaio de carga
Prescreve método de ensaio de carga para turco e guincho de embarcações salva-vidas para uso em embarcações.

NBR10916 – Turco para bote de resgate para uso em embarcações
Fixa condições e requisitos exigíveis para o projeto, construção e aceitação de turcos para bote de resgate a serem utilizados em embarcações.

NBR10917 – Balsa salva-vidas inflável classe 1 para uso naval
Fixa condições e requisitos mínimos exigíveis para construção, aceitação e/ou recebimento de balsas salva-vidas infláveis classe 1 para uso naval.

NBR10918 – Balsa salva-vidas inflável classe 1 para uso naval – Ensaios
Prescreve ensaios a que devem ser submetidas as balsas salva-vidas infláveis classe 1 para uso naval.

NBR10919 – Execução de balanço elétrico para grupos de baterias de emergência em navios mercantes
Fixa condições exigíveis para execução do balanço elétrico para grupos de baterias de emergência, instalados em navios mercantes e utilizados em condições de falha do sistema normal de alimentação.

NBR10920 – Sistema de fonoclama de manobras
Fixa condições e requisitos exigíveis para aceitação e/ou recebimento de sistema de fonoclama de manobras.

NBR10921 – Interruptor rotativo estanque para uso naval
Fixa condições e requisitos exigíveis para aceitação e/ou recebimento de interruptor rotativo estanque para uso naval.

NBR10922 – Interruptor rotativo estanque para uso naval – Dimensões
Padroniza dimensões de interruptor rotativo estanque para uso naval.

NBR10923 – Instalação de cabos elétricos a bordo de embarcações
Fixa condições exigíveis para instalação de cabos elétricos a bordo de embarcações.

NBR10924 – Sistemas de ramais prediais de água – Tubos de polietileno PE – Verificação da dispersão de pigmentos
Prescreve dois métodos pelos quais deve ser realizado o ensaio para verificação da dispersão de pigmentos em compostos para tubos de polietileno PE, destinados à execução de ramais prediais de água.

NBR10925 – Cavalete de PVC DN 20 para ramais prediais
Fixa condições exigíveis para recebimento de cavaletes de PVC DN 20 destinados a ramais prediais para hidrômetros até 3,0 m3/h.

NBR10926 – Cavalete para ramais prediais – Determinação da perda de carga
Prescreve método de determinação da perda de carga de cavaletes destinados a ramais prediais.

NBR10927 – Cavalete para ramais prediais – Verificação da resistência mecânica
Prescreve método de verificação da resistência mecânica de cavaletes destinados a ramais prediais.

NBR10928 – Cavalete para ramais prediais – Verificação da estanqueidade à pressão hidrostática
Prescreve método de verificação de estanqueidade à pressão hidrostática interna de cavaletes destinados a ramais prediais.

NBR10929 – Registro de PVC para bloqueio de vazão – Verificação da resistência ao uso
Prescreve método de verificação da resistência ao ensaio de abertura e fechamento de registros de PVC.

NBR10930 – Colar de tomada de PVC rígido para tubos de PVC rígido
Fixa condições exigíveis para a aceitação e recebimento de colares de tomada fabricados em PVC rígido policloreto de vinila não plastificado, destinados à execução de ligação predial em redes distribuidoras de águas com tubos de PVC rígido.

NBR10931 – Colar de tomada para tubos de PVC rígido – Verificação do desempenho
Prescreve método de verificação da resistência ao esforço de torção e da resistência ao esforço de tração radial de colares de tomada, destinados à execução de ligação predial, em redes distribuidoras de água com tubo de PVC rígido.

NBR10932 – Colar de tomada para tubos de PVC rígido – Verificação da estanqueidade
Prescreve método de verificação da estanqueidade de colares de tomada, destinados à execução de ligação predial, em redes distribuidoras de água com tubo de PVC rígido.

NBR10933 – Preparo e apresentação de projeto de proteção catódica de plataformas fixas de aço para produção de petróleo
Fixa condições exigíveis e as informações mínimas necessárias que devem constar dos projetos de proteção catódica por corrente galvânica de plataformas fixas de aço para produção de petróleo.

NBR10934 – Rodeiro ferroviário
Classifica rodeiro para material rodante ferroviário.

NBR10935 – Retensor para via férrea
Fixa condições exigíveis para o retensor para via férrea.

NBR10936 – Fixação ferroviária – Retensor – Determinação da resistência ao deslizamento com o uso de marreta
Prescreve método de determinação da resistência ao deslizamento de retensor aplicável a via férrea, com o uso de marreta.

NBR10937 – Fixação ferroviária – Retensor – Determinação da resistência ao deslizamento, com o uso de prensa
Prescreve método de determinação da resistência ao deslizamento de retensor, com o uso de prensa.

NBR10938 – Determinação do grau de importância de travessia rodoviária através de via férrea
Fixa condições exigíveis para a determinação do grau de importância (GI) de travessia rodoviária, em alternativa ao momento de circulação.

NBR10939 – Pino de engate para engate com mandíbula
Fixa condições exigíveis para pino de engate com mandíbula para veículo ferroviário.

NBR10940 – Preparo da mistura-padrão de silicato de sódio para fundição
Fixa condições exigíveis para o preparo da mistura-padrão de silicato de sódio para fundição.

NBR10941 – Luminária incandescente para uso naval – Tipo A – Dimensões
Padroniza dimensões de luminária incandescente – Tipo A, para instalação em circuito de iluminação principal ou de emergência, em embarcações.

NBR10942 – Globo para luminária incandescente para uso naval
Fixa condições e requisitos exigíveis para aceitação e/ou recebimento de globo para luminária incandescente para uso naval.

NBR10943 – Projetor para uso naval – Tipo A
Fixa condições e requisitos exigíveis para aceitação e/ou recebimento de projetor para uso naval – tipo A.

NBR10944 – Luminária incandescente para uso naval – Tipo A
Fixa condições e requisitos exigíveis para aceitação e/ou recebimento de luminária incandescente – Tipo A, para uso naval.

NBR10945 – Luminária incandescente para uso naval – Tipo C
Fixa condições e requisitos exigíveis para aceitação e/ou recebimento de luminária incandescente – Tipo C, para uso naval.

NBR10946 – Globo para luminária incandescente para uso naval – Formatos e dimensões
Padroniza formatos e dimensões de globo para luminária incandescente, para instalação em circuito de iluminação principal ou de emergência, em embarcações.

NBR10947 – Luminária incandescente para uso naval – Tipo C – Dimensões
Padroniza dimensões de luminária incandescente – Tipo C, para instalação em circuito de iluminação principal ou de emergência, em embarcações.

NBR10948 – Luminária incandescente para uso naval – Tipo B
Fixa condições e requisitos exigíveis para aceitação e/ou recebimento de luminária incandescente – Tipo B, para uso naval.

NBR10949 – Luminária incandescente para uso naval – Tipo B – Dimensões
Padroniza dimensões de luminária incandescente – Tipo B, para instalação em circuito de iluminação principal ou de emergência, em embarcações.

NBR10950 – Projetor para uso naval – Tipo A – Dimensões
Padroniza dimensões de projetor – Tipo A, para instalação em circuito de iluminação principal, em embarcações.

NBR10951 – Luminária para luz de governo para uso naval – Dimensões
Padroniza dimensões de luminária para luz de governo em embarcações.

NBR10952 – Luminária portátil para uso geral e proa bulbosa – Dimensões
Padroniza dimensões de luminária portátil para uso geral e proa bulbosa em embarcações.

NBR10953 – Luminária para luz de governo para uso naval
Fixa condições e requisitos exigíveis para aceitação e/ou recebimento de luminária para luz de governo para uso naval.

NBR10954 – Luminária portátil para uso geral e proa bulbosa
Fixa condições e requisitos exigíveis para aceitação e/ou recebimento de luminária portátil para uso geral e proa bulbosa.

NBR10955 – Materiais refratários isolantes – Determinação das resistências à flexão e à compressão à temperatura ambiente
Especifica métodos para determinação das resistências à flexão (r.f.t.a.) e à compressão (r.c.t.a.) à temperatura ambiente de materiais refratários isolantes (conformados e não-conformados).

NBR10956 – Preparação de corpos-de-prova – Material refratário não conformado refratário-plástico
Fixa condições exigíveis para preparação de corpos-de-prova de refratários plásticos.

NBR10957 – Materiais refratários não-conformados – Preparação de corpos-de-prova de massas de socar, de projeção e plásticos
Estabelece características exigíveis para a preparação de corpo-de-prova de massas de socar, de projeção e massas plásticas (materiais refratários não-conformados).

NBR10958 – Materiais refratários de magnésia-carbono – Classificação
Classifica materiais refratários conformados e não-conformados de magnésia-carbono.

NBR10959 – Material refratário antiácido
Classifica materiais refratários antiácidos, tanto para os conformados como para os concretos.

NBR10960 – Eixos veiculares para reboques e semi-reboques
Fixa condições exigíveis para os eixos de veículos rodoviários rebocados de carga, do tipo reboque ou semi-reboque. Visa atender ainda aos princípios de boa técnica e manutenção, de durabilidade adequada e bom desempenho dos componentes do eixo veicular p

NBR10961 – Eixos veiculares para reboques e semi-reboques – Avaliação da resistência
Prescreve métodos para avaliar a resistência do eixo veicular de apoio, às condições simuladas de carregamentos.

NBR10962 – Guarnição do freio – Verificação da resistência da colagem entre as superfícies de atrito e trabalho devido à corrosão
Prescreve método para verificação da resistência da colagem entre superfícies de atrito e trabalho, devido à corrosão em freios a disco e a tambor, de veículos rodoviários.

NBR10963 – Bateria chumbo-ácido de partida e iluminação para motocicletas
Fixa características exigíveis em baterias chumbo-ácido de partida e iluminação para motocicletas e motonetas.

NBR10964 – Bateria chumbo-ácido de partida e iluminação para motocicleta – Verificação das características elétricas e mecânicas
Prescreve método pelo qual devem ser ensaiadas as baterias chumbo-ácido de partida e iluminação para motocicleta.

NBR10965 – Triângulo de advertência
Fixa condições e requisitos exigíveis para aceitação e/ou recebimento de triângulo de advertência, a serem utilizados para sinalizar a presença de um veículo rodoviário parado em vias públicas, em situação de emergência.

NBR10966 – Desempenho de sistemas de freio para veículos rodoviários
Fixa condições mínimas exigíveis para as características de desempenho do sistema de freio de serviço, de emergência e de estacionamento para veículos rodoviários automotores, rebocados e combinados. A designação “rebocados” inclui semi-reboques, a não se

NBR10967 – Sistema de freio para veículos rodoviários – Ensaio de desempenho (NOTA:2 EMENDAS A INCORPORAR)
Prescreve método para ensaios de desempenho de freios de serviço, de emergência e de estacionamento para veículos rodoviários automotores, rebocados e combinados. A designação rebocados inclui semi-reboques, a não ser que seja especificado o contrário.

NBR10968 – Sistema de freio para veículos rodoviários – Medição do tempo de resposta para os veículos equipados com freio pneumático – Desempenho
Prescreve método de medição do tempo de resposta no desempenho do sistema de freio de serviço, emergência e de estacionamento para veículos rodoviários automotores, rebocados e combinados. A designação rebocados inclui semi-reboques, a não ser que seja es

NBR10969 – Desempenho de sistema de freio para veículos rodoviários – Prescrições relativas as fontes e aos reservatórios de energia
Fixa condições mínimas exigíveis para as características de desempenho do sistema de freio de serviço, emergência e de estacionamento para veículos rodoviários automotores, rebocados e combinados. A designação rebocados inclui semi-reboques, a não ser que

NBR10970 – Desempenho de sistema de freio para veículos rodoviários – Prescrições relativas as condições específicas para o freio de mola acumuladora (câmara combinada do freio)
Fixa condições mínimas exigíveis para as características de desempenho de sistema de freio de serviço, emergência e de estacionamento para veículos rodoviários automotores, rebocados e combinados. A designação “rebocados” inclui semi-reboques, a não ser q

NBR10971 – Desempenho de sistema de freio para veículos rodoviários – distribuição das forcas de frenagem entre os eixos veiculares.

NBR10972 – Veículos rodoviários automotores leves – Medição da concentração de monóxido de carbono no gás de escapamento em regime de marcha lenta – Ensaio de laboratório
Prescreve método de ensaio para medição da concentração de monóxido de carbono (CO) no gás de escapamento emitido pelo tubo de descarga de veículos rodoviários automotores leves, equipados com motores Otto, em regime de marcha lenta. Aplica-se a ensaios r

NBR10973 – Alicate de corte frontal – Dimensões
Padroniza dimensões básicas dos alicates de corte frontal.

NBR10974 – Alicate de bico meia cana – Dimensões
Padroniza dimensões básicas dos alicates de bico meia-cana (redondo chato).

NBR10975 – Anéis de retenção de arame com seção circular para pistões
Padroniza formas, dimensões, afastamentos, características físicas e mecânicas de anéis de retenção de arame com seção circular para pistões.

NBR10976 – Arruelas de travamento com unha externa – Dimensões
Padroniza dimensões de arruelas de travamento com unha usadas no travamento de parafusos e porcas.

NBR10977 – Medidor de vazão de fluidos
Define termos técnicos empregados nos instrumentos para medição de vazão de fluidos.

NBR10978 – Ensaio radiográfico em fundido
Fixa condições exigíveis para o ensaio radiográfico de peças metálicas fundidas.

NBR10979 – Válvula de escoamento com ladrão para bidês e lavatórios
Fixa condições mínimas exigíveis para aceitação ou recebimento de válvulas de escoamento, com ladrão, para lavatórios e bidês destinadas a instalações prediais de água.

NBR10980 – Roldana – Dimensões e materiais
Padroniza roldanas para equipamentos de levantamento e movimentação de cargas, no que se refere às suas dimensões, materiais e características a serem verificadas quando de sua inspeção.

NBR10981 – Talhas de corrente com acionamento motorizado
Fixa condições de qualidade e segurança que devem ser satisfeitas pelas talhas de corrente com acionamento motorizado, seja quando utilizadas como unidades autônomas, seja quando fizerem parte de outros equipamentos de elevação e transporte.

NBR10982 – Elevadores elétricos – Dispositivo de operação e sinalização
Padroniza dispositivos de operação e de sinalização utilizados pelos passageiros, com o objetivo de uniformizá-los e facilitar a sua utilização e compreensão.

NBR10983 – Beliche para embarcação mercante de navegação interior e regional
Fixa condições e requisitos exigíveis para aceitação e/ou recebimento de beliches para embarcação mercante de navegação interior e regional, bem como para seu posicionamento.

NBR10984 – Acesso de pessoas deficientes em trens de metrô, subúrbio e trens de longo percurso
Fixa condições que facilitam o acesso de pessoas deficientes em trens de metrô, de subúrbio e trens de longo percurso.

NBR10985 – Pesquisa visual de ocupação de ônibus
Fixa procedimentos a serem observados na realização da pesquisa visual de ocupação de ônibus em pontos predeterminados do seu percurso.

NBR10986 – Tinta de fundo epóxi zarcão – óxido de ferro, curada com poliamida, de dois componentes
Fixa condições exigíveis para recebimento de tinta de fundo epóxi zarcão – óxido de ferro, curada com poliamida de dois componentes, fornecida em dois recipientes: um contendo principalmente a resina epóxi e os pigmentos (componente A) e o outro contendo

NBR10987 – Tinta de fundo epóxi-óxido de ferro, curada com poliamida, de dois componentes – “Shop primer”
Fixa condições exigíveis para o fornecimento e o recebimento de tinta de fundo para montagem “Shop Primer” epóxi-óxido de ferro poliamida fornecida em dois componentes.

NBR10988 – Tinta de fundo borracha clorada-zarcão, de alta espessura não saponificável
Fixa condições exigíveis para fornecimento e recebimento de tinta de fundo à base de resina borracha clorada-zarcão, de alta espessura, isenta de componentes saponificáveis.

NBR10989 – Tinta de acabamento epóxi curada com poliamida, de dois componentes
Fixa condições exigíveis para o fornecimento e recebimento de tinta de acabamento epóxi, curada, com poliamida, fornecida em dois recipientes. Esta tinta destina-se à proteção de superfícies que tenham recebido previamente uma tinta de fundo adequado.

NBR10990 – Tinta de acabamento epóxi curada com poliamina, de dois componentes
Fixa condições exigíveis para o fornecimento e recebimento de tinta de acabamento epóxi, curada, com poliamina, fornecida em dois recipientes. Esta tinta destina-se à proteção de superfícies que tenham recebido previamente uma tinta de fundo adequada.

NBR10991 – Tinta de acabamento poliuretano alifático
Fixa condições exigíveis no recebimento de tintas de acabamento de poliuretano alifático, fornecido em dois componentes.

NBR10992 – Tinta fundo de borracha clorada – óxido de ferro alta espessura não saponificável
Fixa condições exigíveis para fornecimento e recebimento da tinta de fundo borracha clorada, óxido de ferro, alta espessura, não saponificável.

NBR10993 – Tinta de acabamento de borracha clorada não saponificável
Fixa condições exigíveis para o fornecimento e o recebimento de tinta de acabamento de borracha clorada não saponificável.

NBR10994 – Tinta de acabamento alquídica silicone semi-brilhante monocomponente
Fixa condições exigíveis para o fornecimento e o recebimento de tinta de acabamento alquídica silicone semi-brilhante monocomponente.

NBR10995 – Tinta de fundo e acabamento silicone zinco-grafitada para temperatura até 600 graus Celsius
Fixa condições exigíveis para o fornecimento e o recebimento de tinta de fundo e acabamento silicone zinco-grafitada para temperatura até 600 graus Celsius, de dois componentes.

NBR10996 – Tinta de fundo epóxi-poliamida, rica em zinco
Fixa condições exigíveis para o fornecimento e o recebimento de tinta de fundo epóxi-poliamida, rica em zinco, de dois componentes, fornecida em dois recipientes, um contendo a resina epóxi (componente A) e outro contendo o agente de cura à base de poliam

NBR10997 – Tinta de alumínio para alta temperatura até 600 graus Celsius
Fixa condições exigíveis para o fornecimento e o recebimento de tinta de acabamento de alumínio para alta temperatura até 600 graus Celsius, de dois componentes, fornecida em dois recipientes, um contendo o veículo à base de resina silicone (componente A)

NBR10998 – Tinta de acabamento acrílica à base de solventes orgânicos
Fixa condições exigíveis para fornecimento e recebimento de tinta de acabamento acrílica, destinada à proteção de superfícies que tenham recebido previamente uma tinta de fundo adequada.

NBR10999 – Tinta de acabamento estireno acrilato
Fixa condições exigíveis para o fornecimento e recebimento de tinta de acabamento estireno acrilato.

NBR11000 – Tinta de fundo epóxi, poliamida, óxido de ferro, de dois componentes
Fixa condições exigíveis para o fornecimento e o recebimento de tinta de fundo epóxi, poliamida, óxido de ferro, de dois componentes, fornecida em dois recipientes.

NBR11001 – Tintas de acabamento epóxi-vinílica poliamina – Semibrilhante
Fixa condições exigíveis para fornecimento e recebimento de tinta de acabamento epóxi-vinílica poliamina semi-brilhante, fornecida em dois componentes.

NBR11002 – Tinta de aderência à base de cromato de zinco e polivinilbutiral
Fixa condições exigíveis para fornecimento e recebimento de tinta de aderência à base de tetroxicromato de zinco e polivinilbutiral, fornecida em dois componentes.

NBR11003 – Tintas – Determinação da aderência
Prescreve método para determinação da aderência em tintas, pelo método A, corte em X e pelo método B, corte em grade.

NBR11004 – Amostragem de plastificantes líquidos
Fixa condições exigíveis para a coleta de amostras de plastificantes líquidos em veículo tanque (a granel) ou embalados em tambores.

NBR11005 – Plastificantes líquidos – Determinação da densidade relativa
Prescreve método para determinação da densidade relativa de plastificantes líquidos a 20 graus Celsius.

NBR11006 – Plastificantes líquidos – Determinação do índice de acidez
Prescreve método de determinação da acidez em plastificantes líquidos.

NBR11007 – Plastificantes ftálicos líquidos – Determinação do conteúdo de éster total pelo método titrimétrico
Prescreve método para determinação do teor de ésteres ftálicos pelo método titrimétrico após saponificação.

NBR11008 – Esteres ftálicos para uso industrial – Medição da cor após aquecimento
Prescreve método para determinação da cor dos ésteres ftálicos para uso industrial após aquecimento, na escala Pt/Co.

NBR11009 – Preparação de amostras para determinação de metais em açúcar líquido
Fixa condições exigíveis para preparação de amostras, para determinação de arsênio, cádmio, chumbo, mercúrio, zinco e cobre, em açúcar líquido.

NBR11010 – Açúcar – Determinação de cobre e ferro
Prescreve método para determinação de cobre e ferro em açúcar por espectrofotometria de absorção atômica, e se aplica a açúcares com teores de cobre superiores a 0,1mg/kg e teores de ferro superiores a 0,5mg/kg.

NBR11011 – Aguas minerais e de mesa – Clostrídios-sulfito-redutores – Determinação pela técnica de filtração em membrana
Prescreve método de determinação de esporos de clostrídios-sulfito-redutores através da técnica de filtração em membrana, visando permitir o acompanhamento das condições higiênicas dos sistemas de captação, adução, armazenamento, produção e distribuição d

NBR11012 – Aguas minerais e de mesa – Determinação de cromo
Prescreve método colorimétrico para determinação de cromo em águas minerais e de mesa.

NBR11013 – Aguas minerais e de mesa – Determinação de selênio
Prescreve método colorimétrico para determinação de selêrio em águas minerais e de mesa.

NBR11014 – Aguas minerais e de mesa – Determinação de cádmio
Prescreve método para determinação de cádmio em águas minerais e de mesa por espectrofotometria de absorção atômica.

NBR11015 – Aguas minerais e de mesa – Determinação de arsênio
Prescreve método colorimétrico para determinação de arsênio em águas minerais e de mesa.

NBR11016 – Aguas minerais e de mesa – Determinação de chumbo
Prescreve método para determinação de chumbo em águas minerais, por espectrofotometria de absorção atômica.

NBR11017 – Aguas minerais e de mesa – Determinação de mercúrio
Prescreve método de determinação de mercúrio em águas minerais e de mesa por espectrofotometria de absorção atômica sem chama.

NBR11018 – Aguas minerais e de mesa – Determinação de titânio
Prescreve método colorimétrico para determinação de titânio em águas minerais e de mesa.

NBR11019 – Aguas minerais e de mesa – Determinação de zinco
Prescreve método para determinação espectrofotométrica de absorção atômica, por aspiração em chama ar-acetileno, de zinco em águas minerais e de mesa.

NBR11020 – Aguas minerais e de mesa – Determinação de cobre
Prescreve método colorimétrico para determinação de cobre em águas minerais e de mesa.

NBR11021 – Aguas minerais e de mesa – Determinação de amônio
Prescreve determinação espectrofotométrica de amônio pelo método de Nessler, com destilação prévia da amostra, em águas minerais e de mesa.

NBR11022 – Aguas minerais e de mesa – Determinação de sólidos em suspensão
Prescreve método para determinação de sólidos em suspensão, resíduo não filtrável total seco entre 103 graus Celsius e 105 graus Celsius em águas minerais e de mesa.

NBR11023 – Corantes – Determinação aproximada da solubilidade
Prescreve método de determinação aproximada da solubilidade de um corante.

NBR11024 – Ligantes – Determinação da termoplasticidade a 90 graus Celsius
Prescreve método para determinação da termoplasticidade do filme de um ligante a 90 graus Celsius.

NBR11025 – Substâncias graxas – Determinação da absortividade específica em radiação ultravioleta
Prescreve método de exame espectrofotométrico das substâncias graxas animais. O princípio do método baseia-se na medida espectrofotométrica da absortividade, sobre a amostra tornada homogênea e diluída, que depende entre outros fatores do teor em trienos

NBR11026 – Substâncias graxas – Determinação do poder emulsionante sobre óleo cru
Prescreve método de determinação do poder emulsionante de substâncias graxas modificadas sobre óleo cru. Verifica o poder emulsionante que um material de engraxe emulsionável apresenta em relação a outro material de engraxe, que por si só não é emulsionáv

NBR11027 – Substâncias graxas – Determinação do teor de cinza
Prescreve método de determinação do teor de cinza em substâncias graxas. Também pode ser utilizado para as ceras.

NBR11028 – Substâncias graxas – Determinação do teor de matéria graxa
Prescreve método para determinação do teor de matéria graxa em substâncias graxas de origem animal e vegetal.

NBR11029 – Couros – Determinação do teor de matéria volátil
Prescreve método para determinação do teor de matéria volátil em couros.

NBR11030 – Couro – Determinação de substâncias extraíveis em diclorometano
Prescreve método para determinar em couros o teor de substâncias extraíveis em diclorometano (CH2Cl2).

NBR11031 – Couro – Determinação da cinza total sulfatada
Prescreve o método para determinação da cinza total sulfatada aplicada a todos os couros.

NBR11032 – Peles e couros – Tomada do pedaço-de-prova – Procedimento
Fixa as condições exigíveis para a tomada do pedaço-de-provas em peles e couros. Aplica-se à execução de ensaios químicos e físico-mecânicos em qualquer tipo de pelo ou couro.

NBR11033 – Preparação do filme de ligantes
Fixa condições ideais para a formação de filmes uniformes para testes em ligantes.

NBR11034 – Preparação de amostras de couro para análise química
Fixa condições exigíveis para o preparo de amostras de couro, por moagem. Se aplica a todos os tipos de couro.

NBR11035 – Corte de corpos-de-prova em couros
Fixa condições exigíveis para o corte de corpos-de-prova para ensaios físico-mecânicos em couro.

NBR11036 – Ligantes – Determinação da estabilidade mecânica
Prescreve método para determinação da estabilidade mecânica em emulsão de ligantes a 10% de sólidos totais.

NBR11037 – Ligantes – Determinação do volume de espuma
Prescreve método para determinação do teor de espuma em uma solução de ligante a 10% de sólidos totais.

NBR11038 – Couros – Determinação do teor de substâncias orgânicas e inorgânicas solúveis e insolúveis em água (NOTA:ERRATA A INCORPORAR)
Prescreve método para determinação do teor de substâncias orgânicas e inorgânicas solúveis e insolúveis em água. Se aplica a todos os tipos de couro.

NBR11039 – Cálculo do teor de substância couro, grau de curtimento e substâncias orgânicas combinadas
Prescreve condições exigíveis para o cálculo do teor de substância couro, grau de curtimento e substâncias orgânicas combinadas. Aplica-se a couro curtido ao vegetal.

NBR11040 – Expressão dos resultados de análises químicas em couros
Padroniza condições exigíveis para a expressão dos resultados de análises químicas em couros.

NBR11041 – Couros – Determinação da resistência à tração e alongamento
Prescreve método para a determinação da resistência à tração e alongamento para todos os tipos de couros.

NBR11042 – Ligantes – Determinação do teor de cinza
Prescreve método para determinação do teor de cinza a 800 graus Celsius em ligantes. O método se aplica somente a ligantes à base de água.

NBR11043 – Ligantes – Determinação da alteração da cor a temperatura de 200 graus Celsius
Prescreve método para determinação da estabilidade da cor do filme de ligante à temperatura de (200 mais ou menos 2) graus Celsius. O metodo se baseia na comparação com uma amostra do filme de referencia formado a 60 graus celsius.

NBR11044 – Ligantes – Determinação da densidade
Prescreve método para determinação da densidade em ligantes. O método baseia-se na relação entre a massa de um volume de substância e a massa de um volume igual de água destilada a uma temperatura-padrão de 23 graus Celsius.

NBR11045 – Pasta pigmentada – Determinação do poder de cobertura
Prescreve método para determinação do poder de cobertura de pastas pigmentadas sobre um substrato adequado em comparação com um padrão.

NBR11046 – Pasta pigmentada – Determinação do pH em suspensão aquosa
Prescreve método para determinação do pH em suspensão aquosa de uma pasta pigmentada a (23 mais ou menos 2) graus Celsius.

NBR11047 – Amostragem de corantes e pastas pigmentadas
Fixa condições gerais de amostragem de produtos à base de corantes e pastas pigmentadas.

NBR11048 – Pastas pigmentadas – Determinação de sólidos totais
Prescreve método para determinação de sólidos totais em pastas pigmentadas.

NBR11049 – Pastas pigmentadas – Determinação da densidade
Prescreve método de determinação da densidade de pastas pigmentadas a 23 graus Celsius.

NBR11050 – Pasta pigmentada – Determinação do teor de matéria volátil
Prescreve método para determinação do teor de matéria volátil em uma pasta pigmentada, por aquecimento a (102 mais ou menos 2) graus Celsius.

NBR11051 – Pastas pigmentadas – Determinação dos cátions, chumbo, cádmio e cromo
Prescreve método para determinação dos cátions, chumbo, cádmio e cromo, utilizando espectrofotômetro de absorção atômica.

NBR11052 – Couros – Determinação da espesssura
Prescreve método para a determinação da espessura de todos os tipos de couro.

NBR11053 – Couros – Determinação da massa específica aparente (NOTA:ERRATA INCORPORADA)
Prescreve método para determinação da massa específica aparente de couros. O método se aplica para todos os couros para os quais uma medida de precisão de espessura pode ser feita.

NBR11054 – Couro – Determinação de óxido crômico (NOTA:ERRATA A INCORPORAR)
Prescreve o método para determinação de óxido crômico (Cr2O3) no couro. Este método é aplicável a todos os couros contendo sais de cromo.

NBR11055 – Couro – Determinação da força de rasgamento progressivo
Prescreve método para a determinação da força de rasgamento progressivo para todos os tipos de couro, exceto os couros-sola.

NBR11056 – Couros – Determinação de sais de magnésio solúveis em água
Prescreve método para determinação de sais de magnésio solúveis em água, em couros. O método baseia-se na determinação de sais de magnésio nas substâncias minerais solúveis em água de titulação complexométrica. O método é aplicável a todo couro que conten

NBR11057 – Couro – Determinação do pH e da cifra diferencial
Prescreve o método para determinação do pH e da cifra diferencial do pH de um extrato aquoso de couro.

NBR11058 – Pasta pigmentada – Estabilidade ao calor
Prescreve método para comparação da estabilidade ao calor de uma pasta pigmentada, com uma amostra de referência.

NBR11059 – Ligantes – Determinação do pH em suspensão aquosa
Prescreve método para determinação do pH dos ligantes solúveis ou emulsionáveis em água.

NBR11060 – Pastas pigmentadas – Determinação da resistência à migração
Prescreve método para determinação da resistência à migração por extração dos pigmentos com solvente, relativo à cor produzida quando em contato direto com o solvente tolueno.

NBR11061 – Pastas pigmentadas – Determinação do teor de cinza
Prescreve método para determinação do teor de cinza a 800 graus Celsius em pasta pigmentada.

NBR11062 – Laca e ligante – Determinação do teor de sólidos totais
Prescreve método para determinação do teor de sólidos totais em uma laca e em um ligante, utilizados no acabamento de couros, por aquecimento a (102 mais ou menos 2) graus Celsius.

NBR11063 – Ligantes – Determinação do monômero base
Prescreve método para determinação do monômero-base de ligantes por espectroscopia na região do infravermelho.

NBR11064 – Ligantes – Determinação da resistência ao calor – Ferro quente
Prescreve método para determinação da resistência à fricção com ferro quente em ligantes.

NBR11065 – Couro – Determinação de nitrogênio e de substância dérmica
Prescreve método para determinação de nitrogênio e de substância dérmica contidos no couro.

NBR11066 – Substâncias graxas – Determinação do ponto de solidificação condicionado
Prescreve método de determinação do ponto de solidificação condicionado para substâncias graxas.

NBR11067 – Corantes – Determinação da estabilidade de soluções a ácidos
Prescreve método de determinação da estabilidade de uma solução de corante, na presença dos ácidos sulfúrico e fórmico.

NBR11068 – Corantes – Determinação do caráter iônico
Prescreve método de determinação do caráter iônico de corantes.

NBR11069 – Corantes – Determinação do teor de cinza
Prescreve método de determinação do teor de cinza de um corante.

NBR11070 – Insumos para couro – Corantes – Determinação da estabilidade das soluções à água dura
Prescreve o método de determinação da estabilidade de uma solução de corante, utilizada em couro, na presença das soluções à água dura.

NBR11071 – Corantes – Determinação da resistência e estabilidade a àlcalis
Prescreve método para determinação da resistência e estabilidade a álcalis, de uma solução de corante.

NBR11072 – Corantes – Determinação do pH
Prescreve metodo de determinação do pH de uma solução de corante.

NBR11073 – Corantes – Controle da cor por espectrofotometria (NOTA:ERRATA INCORPORADA)
Prescreve método para determinação da intensidade (controle) da cor de uma solução de corante, em comparação com uma amostra-padrão do mesmo corante.

NBR11074 – Tubulação para grãos vegetais e seus componentes (NOTA:ERRATA A INCORPORAR)
Define termos empregados na identificação da tubulação para grãos vegetais e seus componentes.

NBR11075 – Grade agrícola de dentes
Define termos empregados na identificação das grades agrícolas de dentes e seus componentes.

NBR11076 – Grade agrícola de dentes
Classifica grades agrícolas de dentes de acordo com a fonte de potência, acoplamento à fonte de potência, chassi e tipo de dentes.

NBR11077 – Escarificador
Define termos empregados na identificação dos escarificadores e seus componentes.

NBR11078 – Escarificador
Classifica escarificadores de acordo com a fonte de potência, acoplamento à fonte de potência e tipo e número de hastes.

NBR11079 – Subsolador
Define termos empregados na identificação dos subsoladores e seus componentes.

NBR11080 – Subsolador
Classifica subsoladores de acordo com a fonte de potência, acoplamento à fonte de potência e tipo e número de hastes.

NBR11081 – Cultivador
Define termos empregados na identificação dos cultivadores e seus componentes.

NBR11082 – Cultivador
Classifica cultivadores de acordo com a fonte de potência, acoplamento à fonte de potência e tipo e número de hastes.

NBR11083 – Enxada rotativa
Define termos empregados na identificação das enxadas rotativas e seus componentes.

NBR11084 – Enxada rotativa
Classifica enxadas rotativas de acordo com a fonte de potência, acionamento, acoplamento à fonte de potência, sentido de rotação dos elementos ativos e número de rotores.

NBR11085 – Emprego de tubos de pressão de fibrocimento em sistemas de irrigação
Fixa condições exigíveis para utilização de tubos de pressão de fibrocimento em sistemas de irrigação.

NBR11086 – Haste com cone 7:24 para ferramentas e elementos de fixação – Dimensões
Padroniza dimensões das hastes com cone 7:24 para ferramentas e elementos de fixação nos formatos A e B.

NBR11087 – Porca para eixo porta-fresa
Padroniza dimensões das porcas para eixo porta-fresa e eixo porta-fresa para fresa cilíndrica.

NBR11088 – Eixo porta-fresa com cone 7:24 – Dimensões
Padroniza dimensões do eixo porta-fresa com cone 7:24.

NBR11089 – Eixo de centragem para cabeçote de fresa – Dimensões
Padroniza dimensões dos eixos de centragem para cabeçote de fresa.

NBR11090 – Bucha intermédiaria de cone 7:24 externo e cone Morse interno com rosca de tração – Dimensões
Padroniza dimensões das buchas intermédiarias com cone 7:24 externo e cone Morse interno com rosca de tração.

NBR11091 – Cabeçote com cone 7:24 para mandrilar – Dimensões
Padroniza dimensões dos cabeçotes com cone 7:24 para mandrilar.

NBR11092 – Bucha intermédiaria com cone 7:24 externo e cone Morse interno com extrator – Dimensões
Padroniza dimensões das buchas intermédiarias com cone 7:24 e cone Morse interno com extrator.

NBR11093 – Haste curta com cone 7:24 para mandrilar – Dimensões
Padroniza dimensões de hastes curtas com cone 7:24 para mandrilar.

NBR11094 – Grãos abrasivos aplicados em lixas – Ensaios
Prescreve método para análise granulométrica de grãos abrasivos, utilizados em produtos revestidos, tais como, folhas, correias, rolos e discos, servindo como base de entendimento entre fabricante e usuário quanto à granulometria das partículas empregadas

NBR11095 – Talhas de corrente com acionamento motorizado – Ensaios
Prescreve métodos de ensaio das talhas de corrente com acionamento motorizado. Ensaios complementares, porventura solicitados pelo comprador, devem ser objeto de entendimentos com o fabricante.

NBR11096 – Caldeiras estacionárias aquotubulares e flamotubulares a vapor – Terminologia
Define os termos empregados em caldeiras aquotubulares ou flamotubulares, para serviço estacionário, sujeita ou não à chama.

NBR11097 – Determinação dos valores-padrão de atenuação atmosférica para bandas de oitava e um terço de oitava, em função da temperatura e umidade relativa
Fixa o valor da atenuação atmosférica para bandas de oitava e um terço de oitava, em função da temperatura e umidade relativa.

NBR11098 – Grampo pesado para cabo de aço – Dimensões
Padroniza formato, dimensões e materiais a serem utilizados em grampos pesados para cabos de aço de seis pernas.

NBR11099 – Grampo pesado para cabo de aço
Fixa condições e requisitos mínimos exigíveis para a aplicação, inspeção e aceitação e/ou recebimento de grampos pesados para cabos de aço de seis pernas.

NBR11100 – Apresentação do plano de capacidade de embarcação
Padroniza informações mínimas necessárias que devem estar contidas no desenho ao plano de capacidade de embarcações.

NBR11101 – Navegação de embarcações
Define termos empregados em navegação de embarcações e estabelece os correspondentes termos na língua inglesa.

NBR11102 – Arquitetura naval
Estabelece símbolos utilizados em arquitetura naval.

NBR11103 – Embarcação de resgate tipo 3 para uso naval
Fixa condições e requisitos mínimos exigíveis para construção, aceitação e/ou recebimento de embarcações de resgate tipo 3 para uso naval.

NBR11104 – Embarcação de resgate tipo 3 para uso naval – Ensaios
Prescreve ensaios aplicados no protótipo da embarcação de resgate tipo 3 para uso naval.

NBR11105 – Voltímetro e eletrodo de referência de Ag/AgCl para proteção catódica – Ensaio de aferição
Prescreve método de ensaio para aferiçao de voltímetro e eletrodo de referência de prata-cloreto de prata (Ag/AgCl), empregados na medição de potêncial eletroquímico das superfícies submersas de estruturas marítimas. Também padroniza os relatórios de afer

NBR11106 – Cálculo de ventilação para compartimento de baterias em plataformas marítimas de produção de petróleo
Fixa condições exigíveis para projeto e os métodos adequados de cálculo de ventilação para compartimento de baterias em plataformas marítimas de produção de petróleo.

NBR11107 – Balaustrada fixa de plataformas marítimas – Formatos e dimensões
Padroniza formatos, dimensões, materiais e condições mínimas de aceitação de balaustradas fixas para conveses, estrados e passarelas externas de plataformas marítimas.

NBR11108 – Luminária para mesa de cartas de uso naval
Fixa condições e requisitos exigíveis para aceitação e/ou recebimento de luminária para mesa de cartas de uso naval.

NBR11109 – Tinta de acabamento alquídica alumínio de dois componentes
Fixa condições exigíveis para qualificação e aceitação de tintas de acabamento alquídica, alumínio, de dois componentes. Esta tinta se aplica em pinturas de superfícies internas e externas que tenham previamente recebido uma tinta de fundo adequado.

NBR11110 – Tinta de aderência epóxi-isocianato
Fixa condições exigíveis para fornecimento e recebimento de tinta de aderência, fornecida em dois componentes à base de resina epóxi, curada com poliisocianato alifático, pigmentada com óxido de ferro vermelho, fornecido em dois recipientes.

NBR11111 – Tinta de silicato de etila rica em zinco
Fixa condições mínimas exigíveis para o fornecimento e o recebimento de tinta de silicato de etila rica em zinco, fornecida em dois componentes.

NBR11112 – Tinta de fundo alquídica com fosfato de zinco, óxido de ferro alumínio
Fixa condições exigíveis para fornecimento e recebimento de tinta à base de resina alquídica fosfato de zinco, óxido de ferro e alumínio.

NBR11113 – Plastificantes líquidos – Determinação dos pontos de fulgor e combustão
Prescreve método para determinação dos pontos de fulgor e combustão dos plastificantes líquidos.

NBR11114 – Couro – Determinação da medida de resistência a flexões contínuas
Prescreve o método para determinar a medida de resistência a flexões contínuas para couros de até 2mm de espessura.

NBR11115 – Substâncias graxas – Determinação do índice de acidez
Prescreve o método de determinação do índice de acidez em óleos e graxas, utilizando o etanol como solvente. O método com etanol é aplicável aos óleos e graxas vegetais e animais, brutos ou refinados, não sendo aplicável nem aos fosfolipídios nem às ceras

NBR11116 – Substâncias graxas – Determinação do caráter iônico
Prescreve método de determinação do caráter iônico de substâncias graxas em emulsão aquosa. O caráter iônico possível é: aniônico, catiônico, anfótero e não-iônico.

NBR11117 – Tanantes – Determinação do teor de umidade
Prescreve método de determinação da umidade em tanantes no estado sólido ou líquido.

NBR11118 – Tanante – Preparação de soluções analíticas
Prescreve o método para preparar soluções analíticas de extratos tanantes.

NBR11119 – Tanantes – Determinação do pH
Prescreve método de determinação do pH de soluções de tanantes.

NBR11120 – Tanantes – Determinação do teor de cinza
Prescreve método de determinação do teor de cinzas em tanantes, no estado sólido ou líquido.

NBR11121 – Amostragem de tanantes
Fixa condições gerais de amostragem em materiais tanantes, no estado sólido ou líquido.

NBR11122 – Couro cabedal – Comportamento à água – Penetrômetro
Prescreve método de determinação da passagem e absorção de água em couro cabedal.

NBR11123 – Tanantes – Determinação do teor de sólidos insolúveis
Prescreve método de determinação do teor de sólidos insolúveis, em tanantes, no estado sólido ou líquido.

NBR11124 – Tanantes – Determinação do teor de sólidos solúveis
Prescreve método de determinação do teor de sólidos solúveis em tanantes no estado sólido ou líquido.

NBR11125 – Tanantes – Determinação do teor de sólidos totais
Prescreve método de determinação do teor de sólidos totais em tanantes no estado sólido ou líquido.

NBR11126 – Couros – Determinação da quantidade de água absorvida – Método Kubelka
Prescreve método de determinação da quantidade de água absorvida por couros, utilizando-se a aparelhagem de Kubelka. Se aplica a todos os tipos de couros.

NBR11127 – Pasta pigmentada – Determinação do poder tintorial
Prescreve método para a determinação do comportamento tintorial de uma pasta pigmentada, em relação a uma pasta-padrão pigmentada.

NBR11128 – Corantes – Determinação do comportamento tintorial
Prescreve método para determinar o comportamento tintorial de corantes aniônicos.

NBR11129 – Couro sola – Determinação da resistência à quebra da flor
Prescreve método de determinação da resistência à quebra da flor, através do método da dobra.

NBR11130 – Couro sola – Determinação da absorção de água – Permeômetro
Prescreve método de determinação da passagem e absorção de água em solas de couro.

NBR11131 – Tanante – Determinação de constituintes não-tanantes
Prescreve método para determinar os materiais não absorvidos pelo pó de pele, em uma amostra de extratol tanante sólido ou líquido.

NBR11132 – Insumos para couro – Tanantes – Determinação da cor
Prescreve o método para determinar a cor de uma solução de tanante utilizada em couro.

NBR11133 – Tanantes – Determinação do teor de constituintes tanantes
Prescreve método de determinação do teor de materiais absorvidos pelo pó de pele, em amostra de tanante sólido ou líquido.

NBRISO11134 – Esterilização de produtos hospitalares – Requisitos para validação e controle de rotina – Esterilização por calor úmido
Especifica requisitos para o uso do calor úmido no desenvolvimento do processo de esterilização, na validação do processo de esterilização e no controle da rotina de esterilização. Envolve todos os processos por calor úmido, incluindo vapor saturado e mis

NBR11134 – Rolhas metálicas tipo coroa para fechamento de garrafas – Características dimensionais
Padroniza características dimensionais que devem ser observadas na fabricação e encomendas das rolhas metálicas a serem utilizadas no fechamento de garrafas para cervejas, refrigerantes, águas minerais. Não se incluem as tampas que não forem tipo “coroa”.

NBR11135 – Emprego de rolhas metálicas tipo coroa para fechamento de garrafas
Fixa condições exigíveis para o emprego de rolhas metálicas do tipo coroa.

NBR11136 – Embalagens plásticas (NOTA:ERRATA INCORPORADA)
Define termos técnicos referentes a embalagens plásticas.

NBR11137 – Carretéis de madeira para acondicionamento de fios e cabos elétricos – Dimensões e estruturas (NOTA:ERRATA A INCORPORAR)
Padroniza as dimensões de carretéis utilizados para o acondicionamento de fios e cabos elétricos e a estrutura para carretéis construídos totalmente em madeira, na forma de tábuas ou sarrafos.

NBR11138 – Nariz de árvore com cone 7:24 – Dimensões
Padroniza dimensões do nariz de árvore com cone 7:24, incluindo os arrastadores formatos A, B e C.

NBR11139 – Haste com cone 7:24 para troca automática de ferramentas formato: A, AD, B, C e D – Dimensões
Padroniza dimensões da haste com cone 7:24 para troca automática de ferramentas nos formatos A, AD, B, C e D.

NBR11140 – Parafuso de retenção para troca automática formatos A e B – Dimensões
Padroniza dimensões do parafuso de retenção para troca automática, formatos A e B.

NBR11141 – Anéis distanciadores para eixo porta-fresa com rasgo de chaveta longitudinal e transversal – Dimensões
Padroniza dimensões dos anéis distanciadores para eixo porta-fresa com rasgo de chaveta longitudinal e transversal.

NBR11142 – Eixo suporte para cabeçote de fresa com furo de centragem – Dimensões
Padroniza dimensões dos eixos suportes para cabeçotes de fresa com furo de centragem.

NBR11143 – Arruelas de travamento com orelha – Dimensões
Padroniza dimensões de arruelas de travamento com orelha usadas no travamento de parafusos e porcas.

NBR11144 – Arruelas de travamento com duas orelhas – Dimensões
Padroniza dimensões de arruelas de travamento com orelhas usadas no travamento de parafusos e porcas.

NBR11145 – Representação de molas em desenho técnico
Fixa condições exigíveis para a representação de molas em desenhos técnicos.

NBR11146 – Válvula de escoamento, sem ladrão, para lavatórios e pias
Fixa condições mínimas exigíveis para aceitação ou recebimento de válvulas de escoamento, sem ladrão, para lavatórios e pias destinadas a instalações prediais de água. Esta válvula é também conhecida como válvula sem ladrão 1 x 2, código ou referência 160

NBR11147 – Travessa para gancho-haste forjado – Dimensões e materiais
Padroniza travessas para ganchos-haste forjados para equipamentos de levantamento e movimentação de cargas, no que se refere às suas dimensões e materiais.

NBR11148 – Haste de fixação para nariz de árvore com cone 7:24 – Conexão roscada – Dimensões
Padroniza dimensões da haste de fixação para nariz de árvore com cone 7:24.

NBR11149 – Máquinas elétricas girantes – Proteção térmica incorporada – Detectores térmicos e unidades de comando
Fixa condições aplicáveis aos detectores térmicos e suas unidades de comando associadas (quando utilizadas), os quais provocam uma função de manobra nos sistemas de proteção térmica incorporados às máquinas elétricas girantes.

NBR11150 – Máquinas elétricas girantes – Proteção térmica incorporada – Detectores por termistor PTC e unidades de comando, de características A e B
Fixa condições exigíveis para um tipo de sistema de proteção térmica, incluindo um detector por termistor de coeficiente de temperatura positivo (PTC), com característica específica e unidade de comando associada.

NBR11151 – Seccionador e interruptor de baixa tensão e suas combinações com fusíveis
Fixa condições mínimas exigíveis para seccionador a ar, interruptor-seccionador a ar e unidades com fusíveis combinados para uso em circuitos de distribuição e circuitos de motores com tensão nominal não excedendo a 1000 VCA ou 1200 VCC.

NBR11152 – Lâmpadas incandescentes com filamento de tungstênio, para veículos automotivos
Fixa condições exigíveis as quais asseguram a qualidade e a intercambialidade (dimensional, elétrica e características luminosas) das lâmpadas para veículos automotivos. Cobre os tipos de lâmpadas incandescentes que são usadas em faróis, em iluminação e s

NBR11153 – Interpretação estatística de resultados de ensaio – Estimação da média – Intervalo de confiança
Fixa tratamento estatístico de resultados de ensaios, necessários para calcular um intervalo de confiança para a média de uma população.

NBR11154 – Interpretação estatística de dados – Técnicas de estimação e testes relacionados às médias e variâncias
Fixa técnicas para: estimar a média ou a variância de populações; examinar certas hipóteses no que se refere aos valores destes parâmetros, a partir de amostras.

NBR11155 – Interpretação estatística de dados – Determinação de um intervalo de tolerância estatístico
Fixa métodos para a determinação de um intervalo de tolerância estatístico baseado em uma amostra, isto é, um intervalo tal que exista uma probabilidade (nível de confiança) fixa de que o intervalo deve conter ao menos uma proporção p da população da qual

NBR11156 – Interpretações estatística de dados – Comparação de duas médias no caso de observações emparelhadas
Fixa método para comparar a média de uma população de diferenças entre observações emparelhadas com o zero ou um outro valor prefixado.

NBR11157 – Interpretação estatística de dados – Potência de testes relacionados às médias e variâncias
Fixa técnicas para a determinação da potência de testes relacionados às médias e variâncias.

NBR11158 – Análise de rotina de dados quantitativos (NOTA:ERRATA A INCORPORAR)
Fixa condiçoes a serem utilizadas na condensação de dados, restringindo-se porém à consideração de observações de uma só variável.

NBR11159 – Analisadores lógicos – Ensaios
Prescreve condições de ensaio para analisadores lógicos de modo a verificar a conformidade dos mesmos e com os dados técnicos fornecidos pelo fabricante.

NBR11160 – Materiais opacos – Avaliação visual da diferença de cor
Prescreve método de ensaio recomendado para determinação da diferença de cor entre materiais com fontes de luz padronizadas conforme CIE.

NBR11161 – Amostragem de grãos
Fixa procedimentos de coleta de amostras de grãos, em geral, destinados a alimentação humana, animal e para a indústria.

NBR11162 – Silos cilíndricos para grãos vegetais
Define termos empregados na identificação de silos cilíndricos para grãos vegetais.

NBR11163 – Secadores para grãos vegetais
Define termos empregados nos processos de secagem e na identificação de secadores para grãos vegetais.

NBR11164 – Secadores intermitentes e contínuos para grãos vegetais e seus componentes (NOTA:ERRATA A INCORPORAR)
Define termos empregados na identificação dos secadores intermitentes e contínuos, para grãos vegetais e seus componentes.

NBR11165 – Componentes de silos cilíndricos metálicos para grãos vegetais
Define termos empregados na identificação de componentes, de silos cilíndricos metálicos para grãos vegetais.

NBR11166 – Elevadores de caçambas para grãos vegetais
Define termos empregados na identificação de elevadores de caçambas para grãos vegetais e de seus componentes.

NBR11167 – Termometria para grãos vegetais
Define termos empregados na identificação dos sistemas de termometria e de seus componentes.

NBR11168 – Arados
Classifica arados de acordo com o tipo e fixação dos órgãos ativos, fonte de potência e reversibilidade.

NBR11169 – Execução de cercas de arame farpado
Fixa condições para a construção de cercas de arame farpado, utilizando mourões suportes, esticadores e de escora, de madeira, concreto armado, e eventualmente, outros materiais, como, por exemplo, perfis metálicos inclusive trilhos usados, de acordo com

NBR11170 – Serviços de pavimentação (NOTA:ERRATA INCORPORADA)
Define termos técnicos relativos à pavimentação de rodovias, ruas, aeroportos, pátios industriais e outros semelhantes.

NBR11171 – Serviços de pavimentação
Classifica serviços de pavimentação para rodovias, ruas, aeroportos, pátios industriais e outros semelhantes.

NBR11172 – Aglomerantes de origem mineral
Define termos empregados para aglomerantes de origem mineral, abrangendo, apenas, os quimicamente ativos.

NBR11173 – Projeto e execução de argamassa armada
Fixa condições exigíveis para o projeto, execução e controle de peças e obras de argamassa armada, excluídas aquelas em que se empregue argamassa leve ou outras especiais.

NBR11174 – Armazenamento de resíduos classes II – Não inertes e III – inertes
Fixa as condições exigíveis para obtenção das condições mínimas necessárias ao armazenamento de resíduos classes II-não inertes e III-inertes, de forma a proteger a saúde pública e o meio ambiente.

NBR11175 – Incineração de resíduos sólidos perigosos – Padrões de desempenho
Fixa condições exigíveis de desempenho do equipamento para incineração de resíduos sólidos perigosos, exceto aqueles assim classificados apenas por patogenicidade ou inflamabilidade.

NBR11176 – Sulfato de alumínio
Fixa condições exigíveis para o fornecimento e recebimento do produto sulfato de alumínio, utilizado entre outros fins, no tratamento de água destinada ao abastecimento público.

NBR11177 – Amostragem de sulfato de alumínio
Fixa condições exigíveis para a coleta de amostras de sulfato de alumínio, no estado sólido (embalado e a granel) ou no estado líquido (veículos-tanque).

NBR11178 – Sulfato de alumínio – Determinação granulométrica
Prescreve método para determinação granulométrica do sulfato de alumínio sólido.

NBR11179 – Sulfato de alumínio – Determinação de resíduo insolúvel em água
Prescreve método para determinação de resíduo insolúvel em água, no sulfato de alumínio sólido e líquido.

NBR11180 – Sulfato de alumínio – Determinação do alumínio total solúvel em água
Prescreve método para determinação do teor de alumínio total solúvel em água, no sulfato de alumínio sólido e líquido.

NBR11181 – Sulfato de alumínio – Determinação do ferro total solúvel em água
Prescreve método para determinação de ferro total solúvel em água, no sulfato de alumínio sólido e líquido.

NBR11182 – Sulfato de alumínio – Determinação de acidez livre e basicidade
Prescreve método para determinação de acidez livre e basicidade no sulfato de alumínio sólido e líquido.

NBR11183 – Aerador mecânico vertical de superfície do tipo de baixa rotação
Fixa condições exigíveis para a fabricação e recebimento de aeradores mecânicos verticais de superfície do tipo de baixa rotação.

NBR11184 – Aerador vertical de superfície do tipo alta rotação
Fixa condições exigíveis para fabricação e recebimento de aeradores mecânicos verticais de superfície do tipo alta rotação.

NBR11185 – Projeto de tubulações de ferro fundido dúctil centrifugado, para condução de água sob pressão
Fixa condições exigíveis para execução de projeto de tubulações de ferro fundido dúctil centrifugado, para a condução de água sob pressão, e tubulações enterradas, semi-enterradas ou aéreas e para temperatura de serviço máxima de 90 graus Celsius.

NBR11186 – Cabo telefônico CTA-APL isolado com papel e ar e protegido por capa APL
Fixa condições exigíveis na aceitação e/ou recebimento dos cabos telefônicos CTA-APL. Estes cabos são indicados para instalações subterrâneas em dutos.

NBR11187 – Cabo telefônico CTPA-APL-G com isolação em polietileno celular e com núcleo preenchido por geléia de petróleo protegido por capa APL
Fixa condições exigíveis na aceitação e/ou recebimento dos cabos telefônicos CTPA-APL-G. Estes cabos são indicados para instalações subterrâneas em linhas de dutos ou diretamente enterrados.

NBR11188 – Dispositivos a semicondutor – Circuitos integrados analógicos – Métodos gerais de ensaio e medição
Prescreve métodos gerais de ensaio e medição, aplicáveis à maior parte dos amplificadores lineares integrados, incluindo também amplificadores operacionais. Prescreve também métodos gerais de ensaio e medição, aplicáveis aos reguladores de tensão, com exc

NBR11189 – Eletrocardiógrafos monocanais e multicanais
Define termos e definições aplicáveis a eletrocardiógrafo monocanal e eletrocardiógrafo multicanal e, no que couber, também a monitores cardíacos, tendo em vista a formulação inequívoca de prescrições de segurança; características de desempenho; metodolog

NBR11190 – Registrador digital para média tensão
Fixa condições mínimas exigíveis para registradores digitais de média tensão, a serem utilizados em medição de grandezas elétricas, para aplicação de tarifas diferenciadas, em consumidores de média tensão. Fixa as características físicas mínimas necessári

NBR11191 – Subestações de distribuição tipo I-69-34,5 ou 13,8 kV, até 5 MVA e 34,5 kV, 13,8 kV até 3,75 MVA – Diagramas unifilares e arranjos de subestações
Padroniza diagramas unifilares e arranjos de subestações de distribuição tipo I.

NBR11192 – Exigências na apresentação de relatório de ensaio
Fixa conteúdo mínimo de relatórios ou de boletins de resultados de ensaio.

NBR11193 – Eixo porta-fresa, com cone 7:24, para fresa com rasgo de chaveta longitudinal – Dimensões
Padroniza dimensões do eixo porta-fresa com cone 7:24 para fresa com rasgo de chaveta longitudinal.

NBR11194 – Parafuso de fixação de fresa para eixo porta-fresa – Dimensões
Padroniza dimensões do parafuso de fixação de fresa para eixo porta-fresa.

NBR11195 – Chave para parafuso de fixação de fresa – Dimensões
Padroniza dimensões da chave para parafuso de fixação de fresa.

NBRISO11195 – Misturador de gases para uso medicinal – Misturador de gases independentes
Fornece prescrições para o desempenho e a segurança de misturadores de gases independentes para uso medicinal e destinados para conexão a sistemas de fornecimento de gases medicinais. Não se aplica a: blocos de fluxômetros com controles separados para o f

NBR11196 – Porcas sextavadas, autotravantes, tipo 1, com elemento travante não-metálico
Padroniza dimensões de porcas sextavadas do tipo 1, com elemento travante não-metálico, com rosca métrica normal de diâmetro M 3 até M 36 nas classes de resistência 5, 8 e 10, no grau de produto A (d menor ou igual que M 16) e no grau de produto B (d maio

NBR11197 – Porcas sextavadas, autotravantes, tipo 2, com elemento travante metálico
Padroniza dimensões de porcas sextavadas do tipo 2, com elemento travante metálico, com rosca métrica normal de diâmetro M 5 até M 36, nas classes de resistência 5, 8, 10 e 12, no grau de produto A (d menor ou igual M 16) e no grau de produto B (d maior M

NBR11198 – Porcas sextavadas, autotravantes, com flange e elemento travante não-metálico
Padroniza dimensões de porcas sextavadas autotravantes com flange e elemento travante não metálico com rosca métrica normal de diâmetro M 5 até M 20, nas classes de resistência 8 e 10, no grau de produto A.

NBR11199 – Porcas sextavadas, autotravantes, com flange e elemento travante metálico – Dimensões
Padroniza dimensões de porcas sextavadas, autotravantes, com flange e elemento travante metálico, com rosca métrica normal de diâmetro M 5 até M 20, nas classes de resistência 8, 10 e 12, com grau de produto A.

NBR11200 – Parafuso de cabeça sextavada, com rosca total – Graus de produto A e B, com passo de rosca fino – Dimensões (NOTA:ERRATA INCORPORADA)
Padroniza dimensões de parafusos de cabeça sextavada, com rosca total métrica ISO, com passo fino, de diâmetros M 8 até M 64, no grau de produto A para tamanhos M 8 até M 24 e comprimento igual ou menor do que 10 d ou 150 mm, o que for menor, e no grau de

NBR11201 – Elementos de fixação roscados (parafusos, prisioneiros e porcas) de metais não-ferrosos – Características mecânicas
Fixa características mecânicas de elementos de fixação roscados (parafusos, prisioneiros e porcas) de metais não ferrosos.

NBR11202 – Elementos de fixação roscados com revestimentos eletrodepositados
Especifica os requisitos dimensionais dos elementos de fixação roscados de aço, ou ligas de cobre, com revestimentos metálicos eletrodepositados. Estabelece ainda uma classificação de condição de serviço para estes elementos de fixação e especifica espess

NBR11203 – Parafuso sem cabeça, com sextavado interno e ponta plana – Grau de produto A – Dimensões
Padroniza parafusos sem cabeça, com sextavado interno e ponta plana, com diâmetros de rosca M 1,6 até M 24 inclusive, no grau de produto A.

NBR11204 – Parafuso sem cabeça, com sextavado interno e ponta cilíndrica – Grau de produto A – Dimensões
Padroniza dimensões de parafusos sem cabeça, com sextavado interno e ponta cilíndrica, com diâmetros de rosca M 1,6 até M 24 inclusive, no grau de produto A.

NBR11205 – Parafuso sem cabeça, com sextavado interno e ponta cônica – Grau de produto A – Dimensões
Padroniza parafusos sem cabeça, com sextavado interno e ponta cônica, com diâmetros de rosca M 1,6 até M 24 inclusive, no grau de produto A.

NBR11206 – Parafuso sem cabeça, com sextavado interno e ponta côncava – Grau de produto A – Dimensões
Padroniza parafusos sem cabeça, com sextavado interno e ponta côncava, com diâmetros de rosca M 1,6 até M 24 inclusive, no grau de produto A.

NBR11207 – Parafuso de cabeça sextavada, com rosca total – Graus de produto A e B – Dimensões
Padroniza dimensões de parafusos de cabeça sextavada, com rosca total métrica ISO, de diâmetros M 1,6 até M 64, no grau de produto A para tamanhos de até M 24 e comprimento igual ou menor que 10 d ou 150 mm, o que for menor, e grau de produto B para taman

NBR11208 – Parafuso de cabeça abaulada e pescoço quadrado – Grau de produto B – Dimensões
Padroniza parafusos de cabeça abaulada e pescoço quadrado de grau de produto B, com diâmetros de porca M 5 até M 20 inclusive.

NBR11209 – Porca sextavada baixa de rosca fina – Grau de produto A e B
Padroniza dimensões de porcas sextavadas baixas, com rosca métrica normal de diâmetro M 8 x 1 até M 64 x 4 nas classes de resistência 14 H, 04 e 05 com grau de produto A (d menor ou igual que M 16 x 1,5) e grau de produto B (d maior que M 16 x 1,5).

NBR11210 – Porca sextavada cega baixa – Graus de produto A e B
Padroniza dimensões de porcas sextavadas cegas baixas, com rosca métrica normal de diâmetro M 4 até M 64 e rosca fina de tamanho M 8 x 1 até M 64 x 4, nas classes de resistência 5,8 e 10, com grau de produto A (d menor ou igual que M 16) e grau de produto

NBR11211 – Porca sextavada castelo tipo 1, grau dos produtos A e B
Padroniza dimensões de porcas sextavadas castelo tipo 1, com rosca métrica normal de diâmetro M 4 até M 36 nas classes de resistência 6,8 e 10 com grau de produto A (d menor ou igual a M 16) e grau de produto B (d maior que M 16).

NBR11212 – Recomendações para elaboração de especificações técnicas de pequenas turbinas hidráulicas para pequenas centrais hidrelétricas (PCH)
Fixa recomendações gerais para a elaboração de especificações técnicas para a aquisição de pequenas turbinas hidráulicas.

NBR11213 – Grade de tomada d’água para instalação hidráulica – Cálculo
Fixa as condições exigíveis para o cálculo de grades metálicas utilizadas em instalações hidráulicas, tais como usinas hidrelétricas, termelétricas, estações de bombeamento, etc.

NBR11214 – Verificação da compatibilidade de materiais de elementos filtrantes com os fluidos de sistemas hidráulicos de potência
Fixa condições exigíveis para a verificação da compatibilidade de materiais com os fluidos. Em sistemas hidráulicos, a potência é transmitida e controlada por meio de um líquido sob pressão, em um circuito fechado. Filtros mantém a limpeza do fluido, pela

NBR11215 – Equipamentos unitários de ar-condicionado e bomba de calor – Determinação da capacidade de resfriamento e aquecimento
Prescreve método para determinar a capacidade de resfriamento do equipamento unitário de condicionamento de ar e as capacidades de resfriamento e aquecimento do equipamento unitário de bomba de calor.

NBR11216 – Identificação das conexões de mecanismos de sistemas de freios pneumáticos de veículos rodoviários
Fixa condições exigíveis para a identificação das conexões de mecanismos de sistemas de freios pneumáticos de veículos rodoviários, por meio de algarismos arábicos.

NBR11217 – Aplicação de materiais em válvulas nos sistemas de tubulação para embarcações mercantes
Fixa materiais (do corpo e dos componentes internos), diâmetros nominais e pressões nominais/classes de pressão de válvulas globo, gaveta, de retenção, borboleta e diafragma, a serem utilizadas em sistemas de tubulação de embarcações mercantes.

NBR11218 – Pesquisa de tempo de viagem de passageiro de transporte coletivo
Fixa procedimentos mínimos exigíveis a serem observados na realização da pesquisa de tempo de viagem de passageiros, em percurso predeterminado.

NBR11219 – Pesquisa de freqüência de ônibus
Fixa procedimentos a serem observados na contagem volumétrica por sentido dos ônibus urbanos, classificados ou não por linha, que atravessam uma seção de uma determinada via urbana num dado período de tempo.