14.01.2015

Curso de administrador judicial de massa falida e de empresa em recuperação judicial

Uma visitante de nosso site gostaria de maiores informações sobre o curso de administrador judicial, pois ela está se formando em direito, em dezembro de 2014, e tem interesse nesta área, como administradora de massa falida ou de empresa em recuperação judicial. Ela era de uma cidade do interior de São Paulo. Respondi que, se…

15.10.2012

Tabela de Honorários mínimos para elaboração de Laudo Pericial da Federação Nacional dos Administradores – FENAD – perito administrador

O site do Conselho Federal de Administração – CFA divulga a tabela de honorários mínimos de perícias judiciais para o perito administrador, apresentada também na continuação deste post. Recomendamos aos nossos clientes que a tabela de honorários do perito administrador, aprovada pela Federação Nacional de Administradores – FENAD, em 26.05.2012, em São Paulo-SP, e com…

19.09.2012

Dúvidas de um administrador judicial – Lei 11.101/2005 – recuperação judicial e falência

Um de nossos clientes foi nomeado administrador judicial em processo de recuperação de uma empresa no interior de Minas Gerais. Acontece que a Lei 11.101/2005, que regula a recuperação judicial, a extrajudicial e a falência do empresário e da sociedade empresária, não toca a rotina do administrador judicial; então, ele gostaria de saber se existe…

16.09.2011

O mercado profissional do Administrador Judicial na recuperação judicial e extrajudicial e na falência, segundo a Lei 11.101/05 – III

Continuação do post de 9/9/2011 O site Conjur, em artigo de Fernando Porfírio, datado de 01 de fevereiro de 2009, apresenta alguns casos de salários mensais de administrador judicial, estipulados na época: Variglog – R$ 75 mil; Editora Três – R$ 12 mil; Bombril – R$ 25 mil; Parmalat – R$ 50 mil; e Banco…

09.09.2011

O mercado profissional do Administrador Judicial na recuperação judicial e extrajudicial e na falência, segundo a Lei 11.101/05 – II

Continuação do post de 2/9/2011 Na impossibilidade de o juiz gerir na totalidade o que se faz necessário na recuperação judicial e extrajudicial e na falência, ele nomeia o administrador judicial para ajudá-lo. Ainda segundo a Lei 1.101/05, o administrador judicial será profissional idôneo, preferencialmente advogado, economista, administrador de empresas ou contador, ou pessoa jurídica…

02.09.2011

O mercado profissional do Administrador Judicial na recuperação judicial e extrajudicial e na falência, segundo a Lei 11.101/05 – I

A natureza do administrador judicial é a mesma do perito judicial: ambos são auxiliares da Justiça, nomeados de forma ad hoc, ou seja, apenas para a função designada. A atividade de administrador judicial é inata e complementar às categorias dos administradores de empresa, contadores e economistas que atuam como peritos. Como acessar esse mercado profissional…