ABNT Acessos ao Site ==>30720865    Acesso a está página ==>74241  
 Seja Perito Judicial  

  Sem concurso

  Podem ser:
    - profissionais liberais
    - aposentados
    - recém-formados
    - funcionários
      de empresas

  Horários Flexíveis

 Necessário curso superior

1

 
Indique a
um amigo
Como ser
 Perito Judicial

 
Quem pode
ser perito?

 
Qual é o trabalho
do perito?

 
Perguntas e Respostas sobre
Perícias Judiciais

 
É fácil o domínio
da matéria?

 
11 Motivos para você
confiar na compra
Próximas Edições do Curso
Perícia Judicial Ambiental
CLIQUE nos links abaixo
Próximas Edições do Curso
  Perícias Judiciais
CLIQUE nos links abaixo
 Rio de Janeiro - Nov / 2014  São Bernardo - Dez / 2014  Santos - Mar / 2015  Salvador - / 2015  Fortaleza - Mai / 2015  Aracajú - / 2015  Recife - Jun / 2015  Teresina - / 2015  Belém - Jul / 2015  São José do Rio Preto - / 2015  Porto Alegre - Out / 2015  Belo Horizonte - Jul / 2015  Curitiba - Nov / 2015  Goiânia - Dez / 2015  Guarulhos - Mar / 2016  Campo Grande - Abr / 2016  Brasília - Mai / 2016  Natal - Jun / 2016  São Luís - Jul / 2016  Maceió - Set / 2016  Manaus - Set / 2016  Cuiabá - Out / 2016

  Alteração importante para os peritos no CPC
    em 27.12.2001

ALTERAÇÃO DO CPC DE DEZEMBRO DE 2001


Esta alteração do Código de Processo Civil – CPC é importante, pois o juiz ou perito indicará a data e local para início da perícia.


Antes de 1994, era previsto no CPC o Início de Perícia, onde em data e hora marcada os peritos e assistentes técnicos assinavam documento próprio de Inicio de Perícia no Cartório. Oportunidade em que os profissionais travavam os primeiros contatos sobre a matéria e podiam ali marcar novas conferências reservadas, examinavam documentos ou até mesmo iam aos locais de vistorias. Tal medida visava garantir debates dos peritos com assistentes técnicos e ocasião para conhecimento de todos sobre os documentos constantes nos autos.


Ocorria que desde a alteração do CPC em 1994 os assistentes técnicos não tinham a segurança de contato com o perito. Muitas vezes o assistente técnico somente tomava conhecimento do laudo do perito e dos autos após a sua entrega no Cartório e a partir dali tinha um breve espaço de tempo para estudar a matéria. A desvantagem do assistente técnico podia ser enorme.


O bom senso do perito é que norteava os encontros com os assistentes técnicos de 1994 a 2001. Situação então corrigida a partir de dezembro de 2001.


LEI No 10.358, DE 27 DE DEZEMBRO DE 2001.


Altera dispositivos da Lei no 5.869, de 11 de janeiro de 1973 - Código de Processo Civil, relativos ao processo de conhecimento


O PRESIDENTE DA REPÚBLICA Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte Lei:

        Art. 1º Os artigos da Lei no 5.869, de 11 de janeiro de 1973 - Código de Processo Civil, a seguir mencionados, passam a vigorar com as seguintes alterações:

"Art. 14. São deveres das partes e de todos aqueles que de qualquer forma participam do processo:

.............................................................................

V - cumprir com exatidão os provimentos mandamentais e não criar embaraços à efetivação de provimentos judiciais, de natureza antecipatória ou final.

Parágrafo único. Ressalvados os advogados que se sujeitam exclusivamente aos estatutos da OAB, a violação do disposto no inciso V deste artigo constitui ato atentatório ao exercício da jurisdição, podendo o juiz, sem prejuízo das sanções criminais, civis e processuais cabíveis, aplicar ao responsável multa em montante a ser fixado de acordo com a gravidade da conduta e não superior a vinte por cento do valor da causa; não sendo paga no prazo estabelecido, contado do trânsito em julgado da decisão final da causa, a multa será inscrita sempre como dívida ativa da União ou do Estado."(NR)

"Art. 154.............................................................................

Parágrafo único. (VETADO)"

"Art. 175. (VETADO)"

"Art. 178. (VETADO)"

"Art. 253. Distribuir-se-ão por dependência as causas de qualquer natureza:

I - quando se relacionarem, por conexão ou continência, com outra já ajuizada;

II - quando, tendo havido desistência, o pedido for reiterado, mesmo que em litisconsórcio com outros autores.

............................................................................."(NR)

"Art. 407. Incumbe às partes, no prazo que o juiz fixará ao designar a data da audiência, depositar em cartório o rol de testemunhas, precisando-lhes o nome, profissão, residência e o local de trabalho; omitindo-se o juiz, o rol será apresentado até 10 (dez) dias antes da audiência.

............................................................................."(NR)

"Art. 433.............................................................................

Parágrafo único. Os assistentes técnicos oferecerão seus pareceres no prazo comum de 10 (dez) dias, após intimadas as partes da apresentação do laudo."(NR)

"Art. 575.............................................................................

.............................................................................

IV - o juízo cível competente, quando o título executivo for sentença penal condenatória ou sentença arbitral."(NR)

"Art. 584.............................................................................

.............................................................................

III - a sentença homologatória de conciliação ou de transação, ainda que verse matéria não posta em juízo;

.............................................................................

VI - a sentença arbitral.

............................................................................."(NR)

        Art. 2o A Lei no 5.869, de 11 de janeiro de 1973, passa a vigorar acrescida dos seguintes arts. 431-A e 431-B:

"Art. 431-A. As partes terão ciência da data e local designados pelo juiz ou indicados pelo perito para ter início a produção da prova."

"Art. 431-B. Tratando-se de perícia complexa, que abranja mais de uma área de conhecimento especializado, o juiz poderá nomear mais de um perito e a parte indicar mais de um assistente técnico."

        Art. 3o Fica revogado o inciso III do art. 575 da Lei no 5.869, de 11 de janeiro de 1973.

Art. 4o Esta Lei entra em vigor 3 (três) meses após a data de sua publicação

Brasília, 27 de dezembro de 2001; 180o da Independência e 113o da República.

FERNANDO HENRIQUE CARDOSO
Aloysio Nunes Ferreira Filho



Tela Inicial      Tela Anterior
 
Serviços
Profissionais
Diversos
Conectar
Cursos agendados
Curso Perícia Judicial Ambiental
Curso Perícia Judicial Online
Curso Perícias Judiciais
Cursos presenciais sobre perícias
Curso Avaliação de Impacto na Perícia Ambiental

Primeiros Cursos Realizados
Recife - Out / 2003
Ribeirão Preto - Set / 2003
Manaus - Set / 2003
Curitiba - Ago/ 2003
Goiania - Jul / 2003
São Paulo - Mai / 2003
Florianópolis - Nov / 2002
Braslia - Out / 2002
Fortaleza - Set / 2002
Rio - Mai / 2002
Salvador - Nov / 2001
São Paulo - Out / 2001
Curitiba - Set / 2001

Como ser Perito Judicial
Quem pode ser?
Qual é o trabalho?
Como é o Manual?
O que é o Manual?
É fácil o domínio da matéria?
A perícia e os advogados
Quem somos
Preenchimento do Pedido
Conteúdo do Manual
Perito em meio ambiente

Livro Manual de Perícias
Dados e Comentários

Estimativa de Honorários
Estimativa - R.Juliano

Cadastro Nacional de Peritos
Lista de Profissionais
Solicitação de Cadastro
O que é o Cadastro Nacional de Peritos
Peritos por estado e cidade

Softwares
Cálculo Trabalhista
Atualização Monetária e Juros
Clientes de Softwares
Formulário de Pedido
Advogados
Assuntos de Interesse

Perito Engenheiro
Ferramentas
Mercado e Empregos
Definições
Tabelas de Honorários
Associações de Peritos
Laboratórios
Livros
Links
Assuntos de Interesse

Perito Administrador
Ferramentas
Assuntos de Interesse

Perito Contador
Ferramentas
Assuntos de Interesse

Perito Economista
Ferramentas
Assuntos de Interesse

Perito em Informática
Ferramentas
Assuntos de Interesse

Perito em Meio Ambiente
Ferramentas

Perito Médico
Ferramentas
Assuntos de Interesse

Profissões e Perícias
Geral
Assuntos de Interesse
Avaliações de Imóveis
O Engenheiro Avaliador
Planta Genérica
Ferramentas

Segurança do Trabalho
Assuntos de interesse
Inspeção de Caldeiras
Cargas Perigosas
Fornececedores

Prevenção de Incêndios
Ferramentas

O Perito e a Empresa
Eng. Rui Juliano - o perito
R.Juliano Perícias e Avaliações

Perguntas e Respostas(FAQ)
Rápidas
Correio

Árbitros e Mediadores
Assuntos de Interesse

Qualificação de Construtoras
Ferramentas

Regulação de Sinistros
O Regulador de Sinistros
Assuntos de Interesse

Fale Conosco
Canal Aberto

Boletins Periódicos
Inscrições
Rui Juliano no Flickr     Rui Juliano no Facebook

Siga Rui Juliano no Twitter     Rui Juliano no Linkedin

Veja os slides no Slideshare

 
Assuntos de perícias, avaliações de imóveis e referentes a este site: Eng:. Rui Juliano
Fone/Fax: 53 3231 3622 - Fale Conosco
Rua Zalony 160, Conj 1003, Rio Grande - RS, Brasil - 96200-070
MANUAL DE PERÍCIAS - Site de perícias e consultoria técnica do Brasil
© Copyright 1997-2002-2009 - Rui Juliano - Todos os direitos reservados